Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 01 Agosto |
home iconAtualidade
line break icon

NYT: autoridades dos EUA consideraram golpe de Estado com militares venezuelanos

HO / Venezuelan Presidency / AFP

Agências de Notícias - publicado em 09/09/18 - atualizado em 09/09/18

"A preferência" de Washington "por um retorno ordenado e pacífico à democracia na Venezuela permanece sem mudanças"

Funcionários do governo Trump se reuniram secretamente com militares venezuelanos para discutir a derrubada do presidente Nicolás Maduro, mas acabaram decidindo não agir – reportou neste sábado (8) o jornal americano “The New York Times”.

Donald Trump é um duro crítico do governo Maduro, enquanto a Venezuela está mergulhada em uma grave crise econômica e humanitária que desatou violentos protestos e provocou uma onda migratória a países vizinhos.

Citando autoridades americanas anônimas e um ex-comandante militar venezuelano que participou dos diálogos secretos, o “New York Times” disse que os planos do golpe estagnaram.

O jornal afirma que a Casa Branca se negou a dar respostas detalhadas quando questionada sobre essas conversas, mas enfatizou a necessidade de “dialogar com todos os venezuelanos que demonstrem um desejo de democracia”.

Na Venezuela, o chanceler Jorge Arreaza considerou que a revelação do New York Times oferece “grosseiras evidências” das “conspirações” de Washington.

“Denunciamos ante o mundo os planos de intervenção e apoio a conspirações militares do governo dos Estados Unidos contra a Venezuela. Nos próprios meios americanos saem à luz novas e grosseiras evidências”, escreveu Arreaza no Twitter, e acompanhou sua mensagem com um link para a versão em espanhol do artigo no site do jornal nova-iorquino.

Um porta-voz do Conselho de Segurança Nacional dos Estados Unidos disse à AFP que “a preferência” de Washington “por um retorno ordenado e pacífico à democracia na Venezuela permanece sem mudanças”.

“O governo dos Estados Unidos escuta diariamente as preocupações dos venezuelanos, de todos os âmbitos da sociedade… Compartilham um objetivo: a reconstrução da democracia em seu país de origem”, acrescentou o porta-voz Garrett Marquis.

“Uma solução duradoura para o agravamento da crise na Venezuela só pode surgir após a restauração da governança por meio de práticas democráticas, do Estado de Direito e do respeito aos direitos humanos e às liberdades fundamentais”, insistiu.

Depois que drones carregados de explosivos foram detonados perto de Maduro em um ato em 4 de agosto em Caracas, o presidente atribuiu a tentativa de ataque aos Estados Unidos, à Colômbia e a seus inimigos domésticos.

O Departamento de Estado condenou a “violência política”, mas também denunciou prisões arbitrárias e confissões forçadas de suspeitos por parte do governo da Venezuela.

O conselheiro de segurança nacional dos Estados Unidos, John Bolton, insistiu em que “não houve participação do governo dos Estados Unidos” no incidente de 4 de agosto.

Mari Carmen Aponte, uma das principais diplomatas dos Estados Unidos para assuntos latino-americanos no governo do presidente Barack Obama, disse ao “New York Times” que “isso vai cair como uma bomba” na região.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
1
SIMONE BILES
Cerith Gardiner
Simone Biles deixa as Olimpíadas com uma lição importante para to...
2
Batizado de Davi Henrique, 6 anos
Reportagem local
Davi, de 6 anos, reclama do padre no batizado: “Tá sabendo ...
3
Ítalo Ferreira
Reportagem local
Ouro no surfe em Tóquio, Ítalo Ferreira rezou todos os dias às 3h...
4
HIDILYN DIAZ
Cerith Gardiner
Olimpíadas: depois de ganhar o ouro, atleta exibe outra medalha e...
5
David Arias
Reportagem local
Ex-satanista mexicano retorna à Igreja e testemunha: “O ter...
6
Claudio de Castro
Como salvar nossas almas nos últimos minutos antes da morte
7
Pessoa idosa rezando o terço
Reportagem local
Brasil: carta de despedida de bisavó de 96 anos comove as redes s...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia