Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 23 Outubro |
São João de Siracusa
Aleteia logo
home iconReligião
line break icon

Papa: fermento da fraternidade nunca deixa de produzir seus frutos

POPE FRANCIS GENERAL AUDIENCE

Antoine Mekary | ALETEIA | I.MEDIA

Vatican News - publicado em 29/09/18

“É muito significativo que fazem parte dessa associação os cidadãos comuns que, mesmo não sendo membros da Polícia, assumem seus valores"

O Papa Francisco recebeu em audiência, neste sábado (29/09), na Sala Paulo VI, no Vaticano, cerca de sete mil membros da Associação Nacional da Polícia de Estado.

A associação une os membros da Polícia ainda em atividade e aqueles que, mesmo tendo terminado seu serviço, ainda se sentem parte dela e levam adiante seus ideais. Ela transmite “as tradições da Polícia de Estado”, favorecendo a união de todos os seus membros, em licença ou em serviço.

Segundo o Papa, se valorizam, desta forma, “a experiência dos membros idosos e seu patrimônio histórico-cultural, que não deve ser disperso, mas transmitido e ampliado, e se reforça o vínculo entre as gerações, às vezes, afetado no contexto das relações sociais”.

Comprometer com o bem comum

“É muito significativo que fazem parte dessa associação os cidadãos comuns que, mesmo não sendo membros da Polícia, assumem seus valores e seu compromisso. Assim, vocês formam uma grande família: uma família aberta a todos aqueles que querem se comprometer com o bem comum a partir de seus princípios, uma família que gostaria de envolver e acolher todo cidadão para difundir uma cultura de legalidade, respeito e segurança.”

Para Francisco, “sem esses fundamentos, nenhum contexto social pode alcançar o bem comum, mas se tornará cedo ou tarde um emaranhado de interesses pessoais contrapostos. O bem de uma sociedade não é dado pelo bem-estar da maioria ou pelo respeito dos direitos de quase todos, mas pelo bem da coletividade como um conjunto de pessoas, de forma que, se alguém sofre, todos os membros sofrem com ele”.

Toda injustiça afeta sobretudo os mais pobres

“Quando faltam a legalidade e a segurança, os vulneráveis são os primeiros a serem prejudicados, porque possuem poucos meios para se defender e prover a si mesmos. Toda injustiça afeta sobretudo os mais pobres, e todos aqueles que de várias formas são os últimos. Últimos, em nosso mundo, são aqueles que deixam a sua terra por causa da guerra e da miséria, e devem recomeçar do zero num contexto totalmente novo.Os últimos são aqueles que perderam a casa e o trabalho e lutam para manter sua família, os últimos são aqueles que vivem marginalizados e doentes, ou são vítimas de injustiças e abusos.”

“Vocês estão próximos a todas essas pessoas quando buscam prevenir o crime, combater o bullying e fraudes, quando colocam à disposição o seu tempo e suas energias na formação dos jovens e na vigilância das escolas, na proteção do território e do patrimônio artístico, na organização de encontros e na formação de cidadãos mais ativos e conscientes.”

Fermento da igualdade e da fraternidade 

Segundo o Papa, essa associação introduz, “na massa da sociedade, o fermento da igualdade e da fraternidade que nunca deixa de produzir seus frutos (…), valores transmitidos pelo Evangelho que transformaram radicalmente a vida e a mentalidade de toda a sociedade humana”.

Francisco ressaltou que “a introdução dos valores da solidariedade e da paz, que encontram o seu ápice na pessoa e na mensagem de Jesus, foram e ainda hoje são capazes de renovar as relações interpessoais e sociais”.

“É isso que desejamos para o nosso tempo, sabendo que quando colocamos em prática a caridade, ela muda o mundo e a história, mesmo que não percebamos logo os seus efeitos. Esse é o nosso objetivo, e essa é a contribuição dada pela Associação Nacional da Polícia de Estado toda vez que, seguindo o exemplo de seu Padroeiro, São Miguel Arcanjo, se opõe a tudo o que fere ou destrói o ser humano”, concluiu o Pontífice.

(Vatican News)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
VENEZUELA
Ramón Antonio Pérez
Quando a vida surge do abuso atroz a uma jovem deficiente
2
Casal brasileiro com 8 filhos espera gêmeos
Francisco Vêneto
Jovem casal brasileiro com 8 filhos espera gêmeos: “cada um vale ...
3
Reportagem local
A bela lição que este menino deu a todos ao se aproximar do Papa
4
Carlo Acutis
Gelsomino Del Guercio
“Ele fechou os olhos sorrindo”: foi assim que Carlo Acutis morreu
5
São José
Francisco Vêneto
Padre irmão de piloto de avião partido em dois: “São José tem mui...
6
Papa Emérito Bento XVI
Francisco Vêneto
Bento XVI: “Espero me unir logo” aos amigos que já estão na etern...
7
JESUS
O São Paulo
Que os mortos enterrem seus mortos: o que Jesus quis dizer com is...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia