Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Número de mortos por terremoto no Haiti sobe para 17

HAITI
AFP PHOTO / HECTOR RETAMAL
Compartilhar

O tremor e seus vários abalos secundários foram sentidos até mesmo em Porto Príncipe

O número de mortos pelo terremoto que atingiu o noroeste do Haiti durante o final de semana aumentou para 17, com cerca de 350 feridos, informou o Ministério do Interior nesta terça-feira (9).

Nove pessoas morreram na cidade costeira de Port-de-Paix, o povoado mais próximo ao epicentro.

Mais sete morreram em Gros-Morne, que fica a 50 quilômetros a sudeste e mais uma na cidade de Saint-Louis du Nord, indicou o ministério.

A equipe de emergência enviada à área do incidente afirmou que cerca de 7.800 casas foram destruídas ou danificadas no terremoto 5,9 graus de magnitude, de acordo com as autoridades.

No Haiti, o país mais pobre da América Latina e do Caribe, com regulamentos de construção que muitas vezes não são respeitados, um tremor de intensidade moderada pode resultar em mortes e construções afetadas.

O departamento do Noroeste, onde Port-de-Paix está localizado, é a pior parte do Haiti, com muitas áreas isoladas devido ao péssimo estado das estradas.

O tremor e seus vários abalos secundários foram sentidos até mesmo em Porto Príncipe, onde o medo entre os cidadãos se expandiu, já que ainda se lembram do terremoto de 2010 que causou 200.000 mortes.

(AFP)