Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Como evitar ou tratar uma queimadura solar de acordo com seu tipo de pele

SKIN CARE
Shutterstock
Compartilhar

Para evitar a queimadura – ou se você já está queimado – siga estas dicas

Em altas doses, o sol pode se tornar o inimigo número um da sua pele. Veja como os raios ultravioletas afetam as células da pele e como se proteger contra a queimadura solar. Não permita que uma queimadura solar destrua suas férias – trate sua pele com cuidado.

Os perigos da exposição ao sol

Os raios ultravioletas do sol são prejudiciais para a pele. Invisíveis a olho nu, os raios UVA são responsáveis ​​pelo envelhecimento da pele, criando rugas e manchas marrons. Os raios UVB podem dar-lhe um bronzeado, mas também podem causar queimaduras mais graves. Em doses elevadas, são cancerígenos. Alguns danos são irreversíveis, por isso não arrisque expor-se sem proteção.

Limitando a exposição solar

Os raios ultravioletas são particularmente fortes quando o sol está no seu ponto mais alto. É importante evitar a exposição ao sol durante esse período, mesmo que o calor não esteja tão intenso.

Os bebês nunca devem ser expostos ao sol. Uma vez que sua pele é mais vulnerável aos raios do sol, eles devem ser mantidos na sombra, independentemente da hora do dia.

Proteção solar

Para ficar bem protegido, use uma camiseta seca, um chapéu (com uma aba larga) e óculos de sol. Os raios UV não afetam só a pele – eles também podem danificar os olhos. Use camisas e calças de manga comprida para uma proteção ideal contra o sol. Alguns tecidos são especialmente projetados para proteção solar. A informação de proteção UV geralmente pode ser encontrada nas etiquetas do vestuário.

Se os lugares naturalmente cobertos (com sombra) são difíceis de encontrar, crie sua própria sombra. Um guarda-sol, toldo ou tenda pode fornecer sombra e pode ser movido à medida que o sol muda de posição ao longo do dia. Não subestime a refração dos raios do chão.

Escolhendo o protetor solar

O protetor solar é indispensável durante a exposição solar. O fator de proteção solar (FPS) refere-se à quantidade de proteção oferecida por seu protetor solar – geralmente variando de FPS 15 a FPS 50. FPS 15 bloqueia aproximadamente 93% dos raios UVB, enquanto o FPS 30 bloqueia aproximadamente 97% dos raios, quando aplicado corretamente.

Escolha o protetor solar apropriado para o seu tipo de pele.

Tipo de pele 1: Pele muito clara, cabelo vermelho ou loiro, muitas sardas. Nunca bronzeia e corre o risco de queimaduras solares. Use FPS 50 ou mais, aplicado com frequência. Evite a exposição ao sol durante os horários de pico.

Tipo de pele 2: Pele clara, cabelo loiro ou castanho claro, algumas sardas. Pode gradualmente bronzear, risco de queimaduras solares. FPS 50.

Tipo de pele 3:  Pele clara média, cabelo castanho claro a castanho escuro, sardas mínimas. Gradualmente bronzeia, pode queimar. FPS 50 quando o sol está mais alto, caso contrário FPS 30.

Tipo de pele 4: Pele escura média, cabelo castanho ou preto, sem sardas. Bronzeia rapidamente, raramente queima. FPS 30.

Tipo de pele 5: Pele escura (parda), cabelo preto, sem sardas. Bronzeia rapidamente, raramente queima. FPS 15.

Tipo de pele 6: Pele negra, cabelos pretos. Muito raramente queima. FPS 15.

Se você não tiver certeza do seu tipo de pele, use FPS 50, que funciona para todos os tipos. Se você tem uma pele sensível, escolha um protetor solar especialmente formulado com ingredientes seguros e sem alérgenos.

O protetor solar bloqueia uma porcentagem dos raios do sol, mas não oferece proteção indeterminada. Reaplique o protetor solar em toda a pele exposta a cada duas horas e após nadar. Não se esqueça de áreas muitas vezes negligenciadas, como a parte de trás do pescoço, as orelhas e os pés.

Tratando uma queimadura solar

Se a sua pele foi danificada pelo sol, ela precisará ser tratada. Reidrate bebendo muita água. Lave sua pele com água limpa, seque cuidadosamente e aplique um creme pós-sol. Evite o sol para permitir que sua pele cure. O calor irá agravar a dor de sua queimadura solar, então fique seguro em áreas frescas e com sombra.

No caso de uma queima de primeiro grau, trate com uma pomada exclusiva para promover a hidratação e cura da área afetada. As queimaduras do segundo ao quarto grau podem ser intensamente dolorosas, muitas vezes acompanhadas por bolhas e crostas. Procure atendimento médico para queimaduras graves.