Aleteia
Quarta-feira 21 Outubro |
São Bertoldo de Parma
Religião

Como surgiu o incenso e por que o utilizamos na Missa?

INCENSE,MASS

Pascal Deloche | Godong

Larry Peterson - publicado em 22/10/18

Este aromático elemento da tradição católica remonta a milênios antes de Cristo

Para mim, há algo espiritualmente inspirador no cheiro do incenso queimado. Mas de onde surgiu o incenso e por que o utilizamos?

O uso do incenso no culto religioso remonta há mais de dois mil anos, antes inclusive do Cristianismo.

Sua utilização foi documentada na China antes de 2.000 a.C. O comércio de incenso e especiarias era um importante fator econômico entre o Oriente e o Ocidente. As caravanas atravessavam a rota do incenso pelo Oriente Médio a partir do Iêmen e através da Arábia Saudita. A rota terminava em Israel.

As religiões no mundo ocidental empregam há muito tempo o incenso em suas cerimônias.Este sacramental é mencionado 170 vezes na Bíblia.

Sua utilização no culto judeu continuou depois do início do Cristianismo, influenciando a Igreja Católica, que passou a usar o incenso nas celebrações litúrgicas.

A Igreja considera que a queima do incenso simboliza as orações dos fiéis que alcançam o Céu, como mencionado em Salmos:

Que minha oração suba até vós como a fumaça do incenso, que minhas mãos estendidas para vós sejam como a oferenda da tarde.”

Entretanto, não há um registro temporal específico que nos permita saber quando o incenso foi introduzido nas celebrações católicas.

Não há provas disponíveis que mostrem seu uso durante os primeiros quatro séculos da Igreja, embora haja referências de sua utilização no Novo Testamento.

Por que o utilizamos?

O incenso é um sacramental utilizado para santificar, abençoar e venerar. A fumaça é um símbolo do mistério de Deus.

À medida em que se ela se eleva, sua imagem e seu cheiro expressam a doçura da presença de Nosso Senhor e reforçam como a Missa está vinculada com o Céu e a Terra.

A fumaça também simboliza a intensa fé que deve nos preencher. A fragrância também evoca a virtude cristã.

A Instrução Geral do Missal Romano (IGMR) permite o uso do incenso em diversos momentos da Missa. O turíbulo com o incenso deve ser balançado três vezes para representar a Santíssima Trindade.

Este sacramental pode aparecer nas seguintes partes da Missa:

  • durante a procissão de entrada;
  • no começo da Missa, para incensar o altar;
  • antes da proclamação do Evangelho;
  • na preparação das oferendas, para incensar a cruz, o altar, o sacerdote e os fiéis;

Além disso, o incenso é usado nos funerais, tanto na igreja quanto em velórios e cemitérios. Também é utilizado na Sexta-feira Santa, quando o Santíssimo está exposto, e na Vigília Pascal.

Para terminar, vejamos o que o livro do Apocalipse (8,3-4) diz sobre o incenso:

“Adiantou-se outro anjo e pôs-se junto ao altar, com um turíbulo de ouro na mão. Foram-lhe dados muitos perfumes, para que os oferecesse com as orações de todos os santos no altar de ouro, que está adiante do trono.A fumaça dos perfumes subiu da mão do anjo com as orações dos santos, diante de Deus.”

Realmente, o incenso tem raízes profundas em nossa tradição católica.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
História da IgrejaIgrejaMissa
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
CARLO ACUTIS
John Burger
Como foram os últimos dias de vida de Carlo A...
violência contra padres no Brasil
Francisco Vêneto
Outubro de cruz para padres no Brasil: um per...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Pe. Gilmar
Reportagem local
Padre é encontrado após três dias desaparecid...
CHILE
Reportagem local
Duas igrejas são incendiadas durante protesto...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia