Aleteia
Quarta-feira 21 Outubro |
São Bertoldo de Parma
Espiritualidade

Por que o matrimônio é uma vocação?

COUPLE

Photo by Nathan Dumlao on Unsplash

María Álvarez de las Asturias - publicado em 24/10/18

Você valoriza suficientemente o seu casamento? Acredita que o matrimônio é mesmo o caminho que te aproxima de Deus?

“Sim, o matrimônio é uma vocação”. “No matrimônio você pode se encontrar com Deus; o casamento é um caminho de santificação”.

Eu sempre ouço muitos amigos casados repetirem essas frases. Eles querem se convencer de que elas são verdades.

Porque, frequentemente, nós, casados, temos a tentação de pensar que a vida matrimonial e familiar não nos é suficiente e não soma à nossa vida espiritual. Com isso, sofremos muito, pois com as ocupações familiares a gente deixa de rezar ou de ir à Missa. E nos angustiamos, pensando que não conseguimos cumprir com as nossas obrigações junto a Deus.

Claro que não estou dizendo que ir à Missa e rezar sejam desnecessários. Mas viver a vida familiar, em algumas situações, nos causa uma tensão que nos impede de nos dedicarmos com todo o coração ao que o Senhor espera de nós: amar e cuidar de todos os que ele nos deu, especialmente o nosso cônjuge, os nossos filhos, a nossa família.

O Papa Francisco responde as nossas inquietudes quando afirma: “uma comunhão familiar bem vivida é um verdadeiro caminho de santificação na vida ordinária e de crescimento místico, um meio para a união íntima com Deus. Porque as exigências fraternas e comunitárias da vida em família são uma oportunidade para abrir mais o coração – e isso torna possível o encontro cada vez mais pleno com o Senhor”(Amoris Laetitia, 316).

Se focarmos mais no matrimônio, podemos apreciar alguns aspectos que podem nos ajudar a entender melhor que ele é uma via de união com Deus. A união de batizados é um sacramento, um sinal, uma “janela por onde a glória de Deus é visível ao mundo”(José Granados, “Teologia da carne”). Isso quer dizer que, através da fragilidade de um homem e de uma uma mulher unidos em matrimônio, Deus se faz presente no mundo para se manifestar, para permitir que vejamos como Ele é.

E Deus é amor; um amor que é dado a todos os homens, sem nenhuma privação; um amor que permanece em todos os dias da vida, no bem e no mal; um amor fiel; um amor fecundo, que dá a vida.

Todas as características do amor de Deus são as mesmas que definem o amor matrimonial: uma entrega de amor total, indissolúvel, fiel, fecundo. De maneira que, ao ver como os casais cristãos se amam, podemos testemunhar como Deus nos ama. Esta é a grandeza à qual os casados são chamados: a manifestar a glória de Deus ao mundo atual.

Mas então meu cônjuge não é um estorvo na minha união com Deus? Claro que não! Seu marido (ou sua mulher) é o caminho pelo qual você vai conseguir se unir ainda mais a Deus. Para começar, quando um casal se ama de verdade, às vezes ele acha que é incapaz de amar como Deus quer.

Neste momento, temos que nos voltar para aquele que tudo pode e que é amor. Assim, o desejo de amar faz com que nós procuremos Deus para pedir que Ele aja em nosso matrimônio e nos faça amar como Ele ama.

É isso o que fazemos em nosso casamento: colocamos este amor, que é nosso, nas mãos do Senhor, para que Ele o modele, aperfeiçoe e o leve à plenitude. E, assim, vivendo sua vida matrimonial e familiar, amando as pessoas que te rodeiam nos detalhes do dia a dia, com paciência, cedendo quando é preciso e deixando de lado o egoísmo, você vai se unindo a Ele. E essa vida pequena, escondida e aparentemente sem valor se transforma em uma grande manifestação da glória de Deus.


COUPLE HOLDING HANDS

Leia também:
Meu casamento funciona, e eu vou te dizer por quê

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
AmorCasamentomaridoMulher
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
CARLO ACUTIS
John Burger
Como foram os últimos dias de vida de Carlo A...
violência contra padres no Brasil
Francisco Vêneto
Outubro de cruz para padres no Brasil: um per...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
SAINT JOSEPH SLEEPS
Philip Kosloski
Durma em paz com esta breve oração a São José
Pe. Gilmar
Reportagem local
Padre é encontrado após três dias desaparecid...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia