Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Como podemos reabilitar uma alma lesionada pelas dores?

Shutterstock
Compartilhar

Todos precisamos de algumas sessões de "fisioterapia espiritual" para viver a plenitude da vida

Após alguma lesão, muitos pacientes são encaminhados para o tratamento fisioterápico; e a fisioterapia tem a função de reabilitar o paciente para que volte às atividades normais após uma série de exercícios. Contudo, o tratamento só terá seu pleno efeito concretizado se o paciente for fiel às sessões de fisioterapia e praticar regularmente, em casa, as atividades propostas pelo profissional da área. Todo processo de reabilitação leva tempo e exige paciência. A reabilitação não acontece do dia para a noite. É necessário calma, perseverança e fidelidade.

Muitas almas se encontram debilitadas, lesionadas, fraturadas, machucadas, necessitando de um longo processo de reabilitação espiritual. E são tantas as causas que machucam e ferem a alma humana: uma palavra mal compreendida, uma traição, um desentendimento, uma agressão física ou verbal. Podemos afirmar que, em maior ou menor grau, todos necessitamos realizar, de tempos em tempos, um processo fisioterápico espiritual que reabilite nossa alma a viver a plenitude da vida que Jesus Cristo nos oferece.

A reabilitação exige perseverança

Contudo, assim como no processo de um tratamento para reabilitação de um membro do corpo lesionado exige paciência daquele que se submete aos procedimentos fisioterápicos, a reabilitação da alma também exige paciência e fidelidade da parte de quem busca a cura.

Todo processo de reabilitação começa com o diagnóstico da lesão. Nossa alma, por vezes, encontra-se bastante debilitada; então, será necessário ir tratando uma parte de cada vez.

Nesse processo de cura, algumas atividades são fundamentais para que o resultado seja positivo e nos permita caminhar pela vida com leveza e livre dos traumas que outrora nos impediam de dar passos concretos rumo à santidade.

Uma vida de oração

Dentre as atividades espirituais necessárias e essenciais se encontra o fortalecimento da vida de oração. Quando nos aproximamos verdadeiramente de Deus, por meio da oração, permitimos que Ele os restaure e cuide com misericórdia de nossas feridas interiores, cicatrizando, com o bálsamo do amor, as dores que atormentam nossa alma e roubam a paz interior que tanto almejamos ter novamente.

A frequência aos sacramentos também é fundamental. Uma boa confissão reabilita nossa vida humana e espiritual, retirando-nos da prisão do pecado que nos impede de caminhar livres na graça e no perdão de Deus. Se o Senhor nos perdoa com Sua infinita misericórdia, também somos chamados a perdoar aqueles que nos ofenderam, e pedirmos perdão a quem ofendemos. O processo de reabilitação de nossa alma somente será completo se nos dispusermos a fazer também a nossa parte nesse processo de cura. Muitos tentam enganar os profissionais de fisioterapia, dizendo a eles que, em casa, estão executando as atividades solicitadas.

Não se afaste de Deus

Não podemos enganar Deus! Ele tudo vê, Ele nos perdoa com amor, mas também pede que façamos a nossa parte nesse processo de cura interior.

Quando nos dispomos, interiormente, a buscar a cura para as lesões espirituais de nossa alma, estamos iniciando um caminho de libertação e restauração, que exigirá de nós o esforço necessário e a fidelidade concreta para atingirmos a plenitude da graça de Deus em nossa vida.

Por Pe. Flávio Sobreiro, via Canção Nova