Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 03 Agosto |
São Martinho, Eremita
home iconAtualidade
line break icon

No Iêmen continua o massacre dos inocentes

DISPLACED YEMEN

Felton Davis I CC BY 2.0

Vatican News - publicado em 05/11/18 - atualizado em 05/11/18

Todos os anos cerca de 30.000 crianças com menos de 5 anos morrem por doenças causadas pela desnutrição

Segundo a declaração de Geert Cappelaere, Diretor Regional para o Oriente Médio e a África do Norte do Unicef, hoje no Iêmen morre uma criança cada 10 minutos, por causas que poderiam facilmente ser prevenidas, e 1,8 milhões de crianças sofrem de desnutrição aguda. Destas 400.000 correm o risco de morrer.

E todos os anos cerca de 30.000 crianças com menos de 5 anos morrem por doenças causadas pela desnutrição, portanto, não terão um desenvolvimento normal do potencial intelectivo. Isso é um mal para as crianças e um mal para o Iêmen, impossibilitando a formação de gerações capazes de criar um país mais desenvolvido.

No Iêmen acontece um verdadeiro massacre dos inocentes que ninguém pode deter. Ninguém está interessado em contrastar uma guerra que há três anos devasta todo o país, onde se vive “a pior crise humanitário do mundo”, denunciada pelo Secretário Geral da ONU, Guterres que pediu uma “trégua imediata”.

As organizações humanitárias não conseguem dar ajuda suficiente, as estruturas estão todas destruídas, assim como a vida dos civis, atingidos pelos ataques da coalizão guiada pelos sauditas que para derrotar os rebeldes houthu, na realidade ataca escolas, hospitais e inocentes, com bombas provenientes também de governos ocidentais, os mesmos que se indignam com as fotos das crianças que morrem todos os dias.

“A questão – denuncia Francesco Vignarca, coordenador da Rede italiana pelo desarmamento – é a da venda de armas para a Arábia Saudita, país que não se pode confiar em termos de respeito dos direitos humanos. No Iêmen – continua – há provas de crimes de guerra, e os ataques têm como objetivo levar o país à fome”.

“Todos os sofrimentos das crianças do Iêmen são causados pelo homem. Se hoje a situação é de potencial carestia, não há uma só causa natural. É simplesmente por motivos cuja responsabilidade é dos adultos, mas pelos quais as crianças pagarão um alto preço”.

(Vatican News)

Tags:
Pobreza
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Batizado de Davi Henrique, 6 anos
Reportagem local
Davi, de 6 anos, reclama do padre no batizado: “Tá sabendo ...
2
Sintomas da depressão
Reportagem local
8 sintomas físicos da depressão: fique atento a si mesmo e ao seu...
3
Reportagem local
Gritos levam polícia à casa de dois idosos, que choravam copiosam...
4
SIMONE BILES
Cerith Gardiner
Simone Biles deixa as Olimpíadas com uma lição importante para to...
5
Philip Kosloski
Mesmo com ouro e glória, Michael Phelps foi ao fundo do poço – ma...
6
Pessoa idosa rezando o terço
Reportagem local
Brasil: carta de despedida de bisavó de 96 anos comove as redes s...
7
HIDILYN DIAZ
Cerith Gardiner
Olimpíadas: depois de ganhar o ouro, atleta exibe outra medalha e...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia