Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Segunda-feira 02 Agosto |
Santo Eusébio de Vercelli
home iconAtualidade
line break icon

Governo da Nicarágua reconhece 273 presos por protestar

NICARAGUA

Julio Vannini-(CC BY-NC 2.0)

Agências de Notícias - publicado em 06/11/18 - atualizado em 06/11/18

A repressão aos protestos contra o governo de Ortega deixou mais de 320 mortos

O governo nicaraguense reconheceu na última segunda-feira a existência de 273 presos por participarem desde abril de protestos contra o presidente Daniel Ortega, e garantiu que os direitos humanos, como assistência médica e visitas familiares, estão sendo respeitados.

A esses réus “é dada atenção igual à que é conferida a qualquer preso nicaraguense ou de outra nacionalidade”, assegurou o ministro de Governo Luis Caña, em uma entrevista coletiva em que negou que os detidos nos protestos sejam “presos políticos”.

Segundo o relatório apresentado pelo Ministério de Governo (Mingo), que controla o funcionamento do sistema penitenciário nacional, nas prisões nicaraguenses há 273 manifestantes presos, dos quais 17 são mulheres.

A maioria dos detidos estão sendo processados por terrorismo, crime organizado ou outros delitos como porte ilegal de armas, assassinato ou sequestro, atribuídos pela Procuradoria por sua participação em protestos contra o governo.

A Nicarágua implementou em julho uma lei que criminaliza os manifestantes como “terroristas”, com penas de até 20 anos de prisão.

A opositora Unidade Nacional Azul e Branco contabiliza pelo menos 552 pessoas detidas por protestar e afirmam que elas “estão sendo submetidas a tratamentos cruéis e degradantes, a violações sexuales como método de tortura e, no caso das mulheres, a violência machista de seus carcereiros”.

A repressão aos protestos contra o governo de Ortega deixou mais de 320 mortos, segundo grupos humanitários, enquanto as fontes oficiais contabilizam 199 vítimas fatais.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
SIMONE BILES
Cerith Gardiner
Simone Biles deixa as Olimpíadas com uma lição importante para to...
2
Batizado de Davi Henrique, 6 anos
Reportagem local
Davi, de 6 anos, reclama do padre no batizado: “Tá sabendo ...
3
HIDILYN DIAZ
Cerith Gardiner
Olimpíadas: depois de ganhar o ouro, atleta exibe outra medalha e...
4
David Arias
Reportagem local
Ex-satanista mexicano retorna à Igreja e testemunha: “O ter...
5
Philip Kosloski
Mesmo com ouro e glória, Michael Phelps foi ao fundo do poço – ma...
6
Pessoa idosa rezando o terço
Reportagem local
Brasil: carta de despedida de bisavó de 96 anos comove as redes s...
7
Claudio de Castro
Como salvar nossas almas nos últimos minutos antes da morte
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia