Aleteia
Segunda-feira 19 Outubro |
Santos Mártires Canadenses
Religião

Pecados sem perdão: como entender?

SAD

Marjan Apostolovic - Shutterstock

Padre Bruno Roberto Rossi - publicado em 20/11/18

A bondade de Deus a todos chama, de modo livre para si; nunca, no entanto, impõe a conversão a ninguém que recuse

Tratando do Sacramento da Reconciliação, abordo uma aparente contradição: a Escritura fala que Deus perdoa todos os pecados, mas diz também que o pecado contra o Espírito Santo não será perdoado. Como entender?

Recorro, uma vez mais, ao trabalho de Dom Paulo Celso Demartini, O. Cist.: A Escritura afirma que a faculdade de perdoar pecados é ilimitada (cf. Mt 18,21-22 e Lc 15,11-32), bem como é verdade de fé o seguinte: “o poder da Igreja de perdoar pecados estende-se a todos os pecados sem exceção alguma” (cf. Teologia dogmática III, p. 273). No entanto, alguns trechos da própria Palavra de Deus escrita parecem contradizer o que atrás foi dito ao falar de pecados sem perdão.

Em Mt 12,31-32; Mc 3,28 e Lc 12,10, vemos o chamado “pecado contra o Espírito Santo” que não tem perdão ou é irremissível. Por que o é? – Porque o pecado contra Cristo (cf. Mt 12,32; Lc 12,10) é cometido contra Deus velado, no qual o pecador não quer deixar o Senhor, mas pela fraqueza humana O deixa. Tem, então, o perdão divino. Contudo, ao se opor ao Espírito Santo rejeita o próprio Deus e a sua graça. Portanto, não pode ter perdão, pois é a recusa direta ao próprio perdão. Deus a ninguém nega a reconciliação. No entanto, ser infinitamente misericordioso é diferente de ser tiranicamente cheio de misericórdia. O Senhor chama, muitas vezes, cada um de nós à conversão, sem, porém, nos forçar a ela. Ele só entra e ceia com quem Lhe abre a porta (cf. Ap 3,20).

Na Carta aos Hebreus 6,4-6, o autor tem uma visão de cristãos muito adiantados na vida espiritual, mas que caíram no pecado. Para o hagiógrafo a tal tipo de pecador, a Igreja nada tem a dizer, porque é gente que já experimentou os gozos da graça, mas, de novo, voltou ao pecado. Embora a misericórdia divina não se oculte a quem a busca, de modo contrito, parece haver, no caso concreto, um entrave moral e pastoral para a recondução daqueles errantes à comunidade.

Em 1Jo 5,9, o Apóstolo elenca pecados que não levam à morte (tibieza e perigo espiritual), mas requerem a oração da comunidade pela conversão desses errantes, e pecados que levam à morte (o fechamento total à graça de Deus), pois excluem a conversão. Por tais pecadores a comunidade não deve rezar, dado faltar ao próprio pecador as mínimas disposições interiores para acolher a graça divina.

Em comentário, a essa passagem, lê-se em E. Bettencourt, Curso sobre os sacramentos, p. 151, que ao falar assim, o Apóstolo “nada propõe de dogmático; não fica peremptoriamente proibido ao cristão rezar pelos pecadores mais endurecidos; ao contrário, visto que a esperança não morre, crê-se que a oração insistente e fiel pode ser útil ao irmão obstinado no mal”.

A título de conclusão, podemos dizer que Deus quer perdoar (e perdoa) todos os pecadores sinceramente arrependidos, pois infinita é a sua misericórdia. Contudo, não quer tirar a liberdade de alguém que, de modo obstinado, faz a opção pelo erro ou pelo pecado e recusa a graça.

A bondade de Deus a todos chama, de modo livre para si; nunca, no entanto, impõe a conversão a ninguém que recuse, de modo consciente e sistemático, a graça divina. Graça que a ninguém falta, desde que abramos nosso coração para acolhê-la.

Enfim, esse pecado é imperdoável não porque falte à Igreja o poder para tal (Ela tem a faculdade de, em nome de Deus, perdoar todo e qualquer pecado), mas porque falta ao pecador a abertura à graça divina que a todos quer, livremente, atingir. O defeito está no filho da Igreja, não em sua Santa Mãe.

Abramo-nos, pois, à graça de Deus.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
ConversãoDoutrinaPecadoPerdão
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Char...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
FATIMA
Philip Kosloski
Fotos raras dos 3 pastorinhos de Fátima
POPE FRANCIS GENERAL AUDIENCE
Reportagem local
As 3 orações que o Papa pediu para rezarmos e...
Pe. Gilmar
Reportagem local
Brasil: padre desaparece e manda mensagem com...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia