Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Menina impede escola de tirar o nome de Jesus de uma música natalina

CHILDREN SONGS
Compartilhar

Escola queria preservar os alunos que não são católicos. Mas até eles ficaram do lado da garota

Aconteceu em uma escola da Riviera del Brenta, na região metropolitana de Veneza, Itália. Segundo o jornal “Il Messagero”, os alunos do quinto ano estavam ensaiando a música “Buon Natale in allegria” (“Feliz Natal em Alegria”), que seria apresentada na festa de fim de ano da escola. Um dos versos da canção diz: “Vamos! Brindemos! Celebremos! Este é o dia de Jesus”.

Mas, para surpresa de uma aluna de 10 anos, a professora decidiu tirar da música a parte que fala de Jesus. A profissional alegou que a iniciativa visava evitar ofender as crianças que não são católicas. 

A aluna ficou revoltada. E foi para a luta. Ela resolveu fazer um abaixo-assinado pedindo a volta do verso que menciona Jesus. A grande maioria dos alunos da escola assinou o documento, inclusive crianças muçulmanas que estudam na mesma sala da garota. 

Diante de tanta polêmica, a professora cedeu e o colégio resolveu manter o verso. A música será apresentada na íntegra no espetáculo de Natal.

O caso foi levado até o conselheiro regional da Riviera de Brenta, Alberto Semenzato. Em sua conta no Facebook, o político falou sobre o caso, parabenizou a iniciativa da aluna – que ele chamou de Ângela – e comemorou a decisão da escola de manter o verso que fala de Jesus. Veja o que ele escreveu na rede social: 

“Hoje recebi uma carta de uma menina muito esperta que frequenta uma escola de ensino fundamental na província de Veneza. A pequena lutou, a fim de que não retirem a palavra Jesus no texto da canção da festa escolar de Natal (…). A equipe da escola, tomando nota do desejo das crianças, deixou o texto completo e, portanto, as crianças cantarão este ano uma canção falando sobre Jesus! Muito bem Ângela, que você seja a primeira gota de um grande mar e obrigado por me contar a sua história”.

Com informações de ACI Digital