Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Alimente o seu espírito. Receba grátis os artigos da Aleteia toda manhã.
Inscreva-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Arcebispo indiano: “Gastem menos no Natal e ajudem quem precisa!”

Dom Peter Machado
Arquidiocese de Bangalore
Compartilhar

Ele fez o pedido a todos os católicos e a 200 sacerdotes da sua arquidiocese

Dom Peter Machado é o arcebispo da arquidiocese indiana de Bangalore, no Estado de Karnataka. Em reunião recente com mais de 200 sacerdotes, ele pediu que as comunidades católicas, que são minoria no país, sejam o mais solidárias que puderem com os atingidos pelos desastres naturais que assolaram a região nos últimos meses, além de orientar os párocos a evitarem despesas desnecessárias nas celebrações religiosas para assim conseguirem doar mais recursos aos pobres.

O arcebispo indiano recordou:

“Jesus Cristo nasceu entre os pobres e indefesos num presépio de Belém e escolheu se identificar com os pobres. O Natal é sempre um momento para redirecionar a nossa atenção aos necessitados. Quando o coração de um crente está cheio do amor de Cristo, ele saberá compartilhar, cuidar e consolar aqueles que precisam se sentir amados por Deus”.

Por meio de iniciativas realizadas por diversas comunidades e organizações locais, a arquidiocese tem arrecadado donativos em dinheiro e em bens para socorrer as vítimas das enchentes que devastaram vilarejos e cidades dos Estados de Karnataka e Kerala, onde, há mais de três meses, ao menos 6.000 pessoas continuam vivendo em barracas ou abrigos que deveriam ser provisórios.

A população pressiona o governo a fornecer soluções permanentes para a situação, o que não vem acontecendo com a desejada eficácia.