Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Alimente o seu espírito. Receba grátis os artigos da Aleteia toda manhã.
Inscreva-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Este pai pegou 6 voos para passar o Natal acompanhando a filha aeromoça!

VAUGHAN
Compartilhar

Pierce estava de turno nos dias 24 e 25 de dezembro, mas Hal não desistiu de passar o Natal com a filha do jeito que foi possível

Véspera de Natal, 24 de dezembro de 2018. Hal Vaughan é um senhor um pouquinho cansado de enfrentar check-in, salas de embarque, altitude e pressão atmosférica, decolagens e aterrissagens contínuas. Mas se mostra decididamente feliz: ele não estava perseguindo um recorde, mas seguindo a filha, Pierce, comissária de voo na Delta Airlines e designada neste ano para trabalhar nos turnos de Natal. Isso mesmo: o pai fez questão de pegar todos os 6 voos que faziam parte daquele turno para estar junto com a filha!

A história viralizou nas redes sociais graças a um post do passageiro Mike Levy, que publicou uma selfie com Hal do seu lado, dentro do avião, em Detroit, e acrescentou uma foto da comissária Pierce:

“Tive o prazer de me sentar ao lado de Hal no meu voo de volta para casa. Sua filha Pierce era nossa comissária de bordo, que tinha que trabalhar no Natal. Hal decidiu passar o Natal com ela. Ele está voando em cada um dos seus voos hoje e amanhã, por todo o país, para passar mais tempo com sua filha no Natal. Que pai fantástico! Desejo a vocês dois um feliz Natal!”

Pierce também compartilhou a publicação de Mike e lhe agradeceu. Ela escreveu ainda:

“A primeira viagem do papai usando os seus benefícios foi um sucesso! Um agradecimento especial a todos os pacientes e maravilhosos agentes de embarque de todo o país e à minha tripulação perfeita. Ele fez isso em todos os voos e até conseguiu num deles a primeira classe (milagre de Natal)”.

Afinal, o Natal é, para dizer o mínimo, uma festa de família!