Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Cadastre-se e receba Aleteia diretamente em seu email. É de graça.
Receber

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia
Cynthia Dermody / Redação da Aleteia
Quaresma: 5 desafios para casais

Extraordinária: você acredita que até o véu desta escultura é de mármore?

VEILED VIRGIN
Compartilhar

A "Virgem Velada", busto de Nossa Senhora, dá a impressão de que há um véu transparente sobre a estátua; na verdade, toda esta obra-prima é uma peça única

A “Virgem Velada” é uma escultura em mármore de Carrara que retrata o busto da Virgem Maria sob um véu. Talhada em peça única pelo escultor italiano Giovanni Strazza (1815–1878) no início da década de 1850, a obra-prima feita em Roma foi transportada para a então colônia de Terra Nova, no Canadá, em 1856, conforme foi registrado em 4 de dezembro daquele ano pelo bispo dom John Thomas Mullock:

“Foi recebida de Roma, com segurança, uma bela estátua da Santíssima Virgem Maria, em mármore, de Strazza. O rosto está velado e é possível ver a sua feição e as suas características. É uma perfeita obra de arte”.

A “Virgem Velada” foi mantida no palácio episcopal, próximo à catedral de St. John’s , até 1862, quando dom Mullock a presenteou à madre Maria Madalena O’Shaughnessy, superiora do Convento da Apresentação de Maria, sob cujos cuidados permanece.

Virgem Velada
Giovanni Strazza, CC
Virgem Velada
Giovanni Strazza, CC
Virgem Velada
Giovanni Strazza, CC