Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 31 Julho |
Santo Inácio de Loyola
home iconAtualidade
line break icon

A luta pela vida: Bird Box

BIRDBOX, SANDRA BULLOCK, FILM

Youtube

Projeções de Fé - publicado em 09/01/19

Uma reflexão à luz da fé

Sinopse: Em um mundo pós-apocalíptico, Malorie (Sandra Bullock) e seus filhos precisam chegar a um refúgio para escapar do problema, isto é, criaturas que, ao serem vistas, fazem pessoas se tornarem extremamente violentas. De olhos vendados para não serem afetados, a família segue o curso de um rio para chegar em segurança ao seu destino.

Esta produção da Netflix é baseada no livro de mesmo nome do autor Josh Malerman, e chegou chamando a atenção, em especial, pela presença da atriz Sandra Bullock. Alguns criticaram, outros amaram… então, vamos falar um pouco sobre o filme.

É um filme sobre sobrevivência. Há um grande mal assolando o mundo, que leva as pessoas a se matarem, e o enredo mostra que aqueles que se escondem em uma casa buscam, acima de tudo, sobreviver a esse perigo, adaptando-se às dificuldades e tomando os cuidados necessários, mas não desistindo da vida e da felicidade. Mesmo diante de todas as dificuldades e perigos, sabem que vale a pena viver.

Outro ponto muito importante: a dependência do outro. Quando estão dentro da casa, desde que tenham alimento e água, não precisam sair e se arriscar. E quando isso estiver acabando? Quem vai sair e arriscar a própria vida? E como fazer para sair sem olhar as criaturas? Neste momento, a dependência do outro se torna fundamental para a sobrevivência, não só em razão daqueles que se arriscarão a sair do local seguro, mas porque sairão de olhos vendados e dependerão dos que estarão ao lado.

Tentar sobreviver é o mínimo que se pode fazer, em especial, para transmitir aos demais os reais motivos para viver, e de continuar a ter esperanças, mesmo diante das maiores dificuldades. Essa mensagem já nos foi dada pela Constituição Pastoral Gaudium et Spes, do Concílio Vaticano II:

“(…) o destino futuro da humanidade está nas mãos daqueles que souberem dar às gerações vindouras razões de viver e de esperar.”

Cabe a cada um de nós, enfrentando as nossas dificuldades, saber que nossa vida deverá ser instrumento para as gerações futuras, ensinando às crianças que vale a pena viver e ter esperanças. E mais, deixar de lado o nosso orgulho e reconhecer que dependemos uns dos outros também para a nossa sobrevivência, onde cada qual tem seu papel e é possível aprender com os demais.

Como filme, existem alguns problemas na produção (roteiro, montagem, etc.), que podem, inclusive, ter criado as críticas duras, mas, ainda assim, pode ser um filme a ser assistido mais de uma vez, observando os detalhes e escolhas dos personagens, colocando-se no lugar de cada um e se questionando sobre qual seria a sua decisão nos diversos momentos que surgem.

Na internet existem diversas teorias, sendo uma delas no sentido de que os seres que não podem ser vistos seriam uma alegoria para a depressão, e que, quando as pessoas se deixam ser atingidas pelos monstros buscam a auto-tortura e até mesmo o suicídio, como se nada mais importasse na vida (nem mesmo ela). Ainda com base nessa teoria, os pássaros seriam as boas lembranças e os momentos felizes que ajudariam a encontrar motivos para continuar vivendo. A teoria é interessante, mas não encontra respaldo no livro, pois o autor, em nenhum momento, se manifestou neste sentido.

Ficha técnica:

Gênero: Terror / Suspense / Drama.
Direção: Susanne Bier.
Roteiro: Eric Heisserer.
Elenco: Sandra Bullock, John Malkovich, Jackie Weaver, Trevante Rhodes, Lil Rel Howery, Tom Hollander, Machine Gun Kelly e Danielle Macdonald.
Duração: 124 min.
Ano: 2018.
País: Estados Unidos.
Classificação: 16 anos.

Trailer

Tags:
CinemaEntretenimento
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
SIMONE BILES
Cerith Gardiner
Simone Biles deixa as Olimpíadas com uma lição importante para to...
2
Ítalo Ferreira
Reportagem local
Ouro no surfe em Tóquio, Ítalo Ferreira rezou todos os dias às 3h...
3
Batizado de Davi Henrique, 6 anos
Reportagem local
Davi, de 6 anos, reclama do padre no batizado: “Tá sabendo ...
4
HIDILYN DIAZ
Cerith Gardiner
Olimpíadas: depois de ganhar o ouro, atleta exibe outra medalha e...
5
David Arias
Reportagem local
Ex-satanista mexicano retorna à Igreja e testemunha: “O ter...
6
Claudio de Castro
Como salvar nossas almas nos últimos minutos antes da morte
7
Pessoa idosa rezando o terço
Reportagem local
Brasil: carta de despedida de bisavó de 96 anos comove as redes s...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia