Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Cadastre-se e receba Aleteia diretamente em seu email. É de graça.
Receber

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Ama-me quando eu menos mereça, pois é quando eu mais preciso

Compartilhar

Há pessoas a quem simplesmente se deve amar, não tentem entendê-las, muito menos julgá-las. Talvez haja algo que elas não são capazes de expressar

Lembro-me de ter reclamado amargamente para o meu marido sobre o mal comportamento de um de nossos filhos. Ele pacientemente me escutou enquanto eu descarregava minhas reclamações. Quando terminei de falar, sua resposta me deixou sem palavras e me convidou à reflexão: “Eu entendo você, meu amor. Portanto, simplesmente ame-o”. O que mais eu poderia acrescentar a essa resposta? “Simplesmente ame-o.” Eu permaneci em silêncio, refletindo.

Você e eu conhecemos pessoas que são muito difíceis de amar. Pessoas que simplesmente não combinam com seu tipo de temperamento ou personalidade. Ou porque vivem em constante estado de queixa e se sentem vítimas de todo o mundo ou porque têm um temperamento irritadiço e desagradável. Ou porque, a cada solução, a pessoa traz cinco problemas.

Existem também aqueles que se sentem ofendidos por tudo. Você não pode tocá-los com a pétala de uma rosa que eles se sentem atacados. E porque eles se sentem assim, eles contra-atacam de maneira agressiva.

Existem ainda aqueles que sentem que o mundo gira em torno do próprio umbigo e tudo invejam. Eles não podem ver uma mulher com um corpo bonito e já dizem que é tudo tratamento caro. Eles não podem ver alguém que parece mais jovem e saem dizendo que é plástica. Eles não aceitam que possa existir alguém num estado melhor que o deles.

Há outras pessoas que manipulam a verdade à vontade e, se as coisas não saírem como planejadas, elas se tornarão mártires da vida. Ou aqueles que vivem da fofoca e distorcem a verdade, prejudicando gravemente os outros.

A guerra da inveja

Bem, vamos continuar com as personalidades difíceis de amar. Há também pessoas que, através de seus comentários, liberam a amargura e a dor que trazem, o ressentimento e a inveja que sentem por você e pelo mundo. São aqueles que não percebem sua própria falta de compostura, retidão e hipocrisia.

Em suma, existem todos os tipos de personalidades e comportamentos na vinha do Senhor.

Quão difícil é aceitar essa pessoa

É verdade, quão difícil é aceitar e amar essas pessoas. No entanto, é aqui que devemos demonstrar do que somos feitos e ter caridade. Nós fomos criados pelo amor e para amor e a felicidade.

Quando vemos uma pessoa que mal sorri ou com uma atitude ou personalidade como as mencionadas acima, podemos ter certeza de que essa pessoa traz feridas muito profundas na sua alma e é por isso que essa pessoa age assim.

Ela usa tais atitudes para de defender e sobreviver. Nós realmente devemos estar muito conscientes disso e agir de acordo. Por que esperar mais de uma pessoa do que ela pode nos dar? Todos nós damos o que temos para dar, e do que o nosso coração está cheio. Alguns de nós escolhemos curar nossa história. Outros tiveram mais dificuldades nesse caminho. É isso que quero dizer quando digo que todos agiremos de acordo com o nosso interior.

Agora, e quando você e eu tivermos sido pessoas difíceis de amar? Também somos perfeitamente imperfeitos. Passamos por momentos de crise e instabilidade.

Então, precisamos crescer em paciência e caridade para com nossos semelhantes e também para conosco. Amar as pessoas apenas quando elas atendem às nossas expectativas é mera conveniência. Você tem de amá-las ainda mais quando elas estão passando por momentos difíceis.

Aquelas pessoas que estão passando por um vale de lágrimas, do que elas menos precisam é do nosso julgamento imprudente ou que se aponte o dedo para elas, erguendo-se em críticas.

Elas precisam da nossa caridade.

E falando de nós mesmos, se percebermos que estamos passando por um momento cinzento, devemos avisar. Outras pessoas não têm que pagar pelos pratos quebrados com a nossa atitude negativa. É preciso dizer que não nos sentimos bem e pedir um pouco de paciência e compreensão.

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.