Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 17 Janeiro |
home iconReligião
line break icon

Justiça feita: oratório a Nossa Senhora em praça do Rio não poderá ser destruído

Oratorio Leblon Facebook Paroquia Santos Anjos

Paróquia Santos Anjos / Facebook (Reprodução)

Aleteia Brasil - publicado em 28/02/19

O Ministério Público tinha tentado retirá-lo, mas a Justiça fez valer a liberdade religiosa e o bom senso: "A Santa fica!"

O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) ajuizou no início deste mês o que ele próprio descreveu como uma “Ação Civil Pública (ACP) com antecipação de tutela para que o município do Rio retire da Praça Milton Campos, no Leblon, um oratório religioso construído irregularmente no local e para impedir a construção, em caráter permanente, de novos oratórios religiosos no interior das praças públicas da cidade”.

Trata-se do oratório dedicado a Nossa Senhora Aparecida sobre o qual falamos neste artigo:


Oratorio Praça Milton Campos

Leia também:
MPRJ quer retirar oratório de praça no Rio e leva resposta firme de padre

Agora, mediante a sentença do juiz Sérgio Louzada, da Segunda Vara da Fazenda Pública, a Justiça julgou improcedente o pedido do MPRJ e determinou que o oratório não deve ser destruído. Como bradou a intensa campanha católica feita nas redes sociais em defesa da liberdade religiosa, “A Santa fica!“.

Um dos grandes propulsores da iniciativa #ASantaFica foi o pe. Augusto Bezerra, da Arquidiocese do Rio de Janeiro. Agradecendo aos fiéis católicos e aos amigos de outras denominações religiosas que se envolveram na campanha, ele declarou:

“Vencemos! A Santa fica e o MP perdeu! O juiz avaliou como improcedente a denúncia”.

A Paróquia Santos Anjos, no Leblon, onde fica o oratório, organizou normalmente nesta semana a oração do terço no local, tal como faz todas as semanas nos últimos 13 anos. Em agradecimento aos envolvidos na defesa da liberdade religiosa, a paróquia compartilhou este vídeo em sua página no Facebook:

Afinal, a Santa fica e nós ficamos com a Santa. Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós!

Tags:
Justiçaliberdade religiosaMaria
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
Aleteia Brasil
Na íntegra: as três partes do Segredo de Fáti...
UNPLANNED
Jaime Septién
Filme contra o aborto arrasa nas bilheterias ...
BABY BAPTISM
Padre Reginaldo Manzotti
Por que é tão importante batizar uma criança?
Deserto de Negev
Francisco Vêneto
Pedra de 1.400 anos com inscrição mariana é e...
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens pode...
Reportagem local
Papa Francisco: cuidado com os cristãos que s...
POPE JOHN PAUL II
Philip Kosloski
"Não tenhais medo": a frase mais usada por Sã...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia