Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 29 Outubro |
São Colmano
home iconEspiritualidade
line break icon

Papa Francisco: "Quaresma é tempo de penitência, mas não de tristeza"

POPE FRANCIS

Antoine Mekary | ALETEIA | I.Media

Reportagem local - publicado em 06/03/19

"Precisamos sempre de conversão. Não somos suficientemente orientados a Deus e devemos continuamente dirigir a mente e o coração a Ele"

Ao rezar o Ângelus de 18 de fevereiro do ano passado, um domingo de muita chuva em Roma, o Papa Francisco fez algumas reflexões sobre a Quaresma que vale a pena recordar.

Inspirado no Evangelho de São Marcos, ele propôs os 3 temas mencionados na leitura do dia: tentação, conversão e Boa Nova.

Tentação

Assim como Jesus se preparou durante 40 dias no deserto, posto à prova pelo diabo, nós devemos fazer o nosso “treinamento espiritual” para vencer as tentações, disse o Papa.

“Somos chamados a enfrentar o mal mediante a oração, para sermos capazes, com a ajuda de Deus, de derrotá-lo em nosso dia-a-dia. Infelizmente, o mal atua em nossa existência e ao nosso redor, onde existem violências, negação do próximo, fechamentos, guerras e injustiças”.

Conversão e Boa Nova

Frisando que “a Quaresma é um tempo de penitência, mas não de tristeza”, o Papa lembrou que esse tempo nos chama ao compromisso alegre e sério de nos despojarmos de nosso egoísmo e de velhos ranços, para nos renovarmos na graça do Batismo.

“Em nossa vida, precisamos sempre de conversão. Não somos suficientemente orientados a Deus e devemos continuamente dirigir a nossa mente e o nosso coração a Ele. Para isto, é preciso ter a coragem de rechaçar tudo o que nos conduz para fora do caminho, os falsos valores que atraem o nosso egoísmo. Somente Deus pode nos dar a verdadeira felicidade: é inútil perder tempo procurando-a em outros lugares, em riquezas, prazeres, poderes, carreira. O Reino de Deus é a realização de todas as nossas aspirações mais profundas e autênticas, porque é, ao mesmo tempo, salvação do homem e glória de Deus”.“Que Maria Santíssima nos ajude a viver esta Quaresma com fidelidade à Palavra de Deus e com oração incessante, como fez Jesus no deserto. Não é impossível! Trata-se de viver os dias desejando intensamente acolher o amor que vem de Deus e que quer transformar a nossa vida e o mundo inteiro”.


GRANDMA

Leia também:
Desafio quaresmal: desapegue-se de 40 coisas em 40 dias

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
ConversãoPapa FranciscoQuaresma
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
OLD WOMAN, WRITING
Cerith Gardiner
A carta de uma irlandesa de 107 anos sobre co...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia