Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Receba diretamente no seu email os artigos da Aleteia.
Cadastrar-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Bangladesh: sequestro de jovem cristã choca a comunidade católica

Rohingyas
Compartilhar

Ao que tudo indica vítimas de grupos que se dedicam ao tráfico de pessoas

O sequestro de Teresa Sheuly Rozário, de 19 anos de idade, ocorrido no passado dia 22 de Março, é apenas o mais recente caso de desaparecimento de membros da comunidade católica neste país, ao que tudo indica vítimas de grupos que se dedicam ao tráfico de pessoas.

Segundo a agência Fides, antes do desaparecimento de Teresa Rozário, verificou-se o sequestro de Ranjita Das e de sua filha, de apenas 3 anos de idade. Este caso, porém, teve um desenlace positivo com o resgate de ambas as vítimas.

Tanto Rozário como Ranjita pertencem à diocese de Rajshahi, situada a norte do Bangladesh.

Os pais de Teresa Rozário estão desesperados por notícias da sua filha que desapareceu sem deixar rasto precisamente quando se dirigia à sua igreja paroquial.

O Bangladesh é um dos países asiáticos onde o fenómeno do tráfico de pessoas está a ganhar uma dimensão mais preocupante.

Segundo o jornal Daily Star, entre Fevereiro de 2012 e Junho de 2018, registaram mais de 4 mil casos de sequestros de pessoas vítimas de grupos organizados.

As jovens do Bangladesh, mas também do Irão e Líbia estão na mira de grupos de contrabandistas que actuam essencialmente nas comunidades mais empobrecidas.

A questão do tráfico de seres humanos preocupa fortemente o Santo Padre. Este ano até confiou a uma missionária da Consolata, a Irmã Eugeni Bonetti, os textos das meditações da Via-Sacra e no passado mês de Fevereiro, o vídeo do Papa teve, como intenção de oração, precisamente lembrar as vítimas do tráfico de pessoas.

(Com Departamento de Informação da Fundação AIS)

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.