Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Um robô a serviço da evangelização

© Maxuser - Shutterstock
Compartilhar

O protótipo foi criado para ser um companheiro na oração de pessoas idosas ou doentes que não podem ir à igreja

Gabriele Trovato, professor assistente na Waseda University, no Japão, e professor convidado da Pontifícia Universidade Católica do Peru, apresentou o robô SanTO, projetado para ser um companheiro na oração de pessoas idosas ou doentes que não podem ir à igreja.

Em entrevista à EWTN Noticias, Trovato explicou que “SanTO é um companheiro para a oração. Pode ser útil para os fiéis que não podem ir à igreja, como os idosos, que há muitos na Itália que moram sozinhos, ou pacientes em hospitais. Também poderia ser usado para a catequese”.

Por enquanto, SanTO contém a Bíblia, o santo do dia e uma série de orações católicas. O robô responde à voz humana e, através de uma câmera, pode mudar sua posição para se dirigir ao usuário.

“A ideia é difundi-lo por todo o mundo católico para aqueles que necessitam. O próximo passo será começar a projetar versões específicas de diferentes santos, como Santa Rosa de Lima ou São Martinho de Lima para o Peru, ou São Januário para a Itália”, indicou.

O especialista em Human Robot Interaction disse que a ideia deste robô surgiu à raiz de uma pesquisa que realiza sobre “como personalizar a aparência, o comportamento de robôs para diferentes tipos de usuários que tenham um background cultural diferente”.

“Isto é muito importante porque, se, por exemplo, pensamos nos carros que são produtos personalizados para vários mercados ao redor do mundo, então os robôs que são objetos ainda mais complexos, porque são espelhos do homem, devem ser mais personalizados ainda, para as diferentes culturas, apontando na raiz à religião que o influenciou”, ressaltou.

Em declarações ao Grupo ACI, Trovato disse que SanTO, por enquanto, é um protótipo que surgiu depois de ter feito um similar para os idosos xintoístas no Japão. Este novo robô tem conteúdo em italiano, espanhol, inglês e alemão, embora qualquer outro idioma possa ser adicionado.

A ideia, segundo ele, é iniciar a produção do robô em 2021 e a venda começará no local onde for produzido.

“Sobre o custo, não posso dizer muito, porque tenho que fazer estudos de mercado, mas deveria ser bastante acessível, que tenha um custo baixo ou, de repente, poderia ter um sistema de aluguel”, explicou o especialista.

Gabriele Trovato disse ao Grupo ACI que neste projeto, que começou em 2017, trabalharam com ele cerca de 15 pessoas entre especialistas da PUCP, teólogos e sacerdotes de todo o mundo, como Itália e Japão.

Em sua opinião, SanTO “pode ​​ser uma ajuda para a Igreja, um novo canal de comunicação que ainda não foi explorado. No passado, passou-se da tradição oral para a escrita, depois para a imprensa, a mídia e a internet. Agora há mais tecnologia que pode ser utilizada pela Igreja”.

“Todo esse conteúdo que são ensinamentos que serão transmitidos de geração em geração, e com menos pessoas lendo, isso pode ajudar a difundir mais a voz da Igreja”, concluiu.