Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Receba diretamente no seu email os artigos da Aleteia.
Cadastrar-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Sacrário é roubado e devolvido em Brasília: mas onde está o Corpo de Cristo?

hostias
CC
Compartilhar

Cerca de 70 hóstias consagradas estavam dentro do sacrário roubado em pleno Domingo de Páscoa

Um sacrário contendo cerca de 70 hóstias consagradas foi roubado na tarde deste Domingo de Páscoa, 21 de abril, da Paróquia Nossa Senhora da Saúde, em Brasília. Antes da Santa Missa das 18h, o pároco percebeu que, durante a tarde, uma das portas da igreja tinha sido aberta sem sinais de arrombamento e o sacrário havia desaparecido. Após registro de boletim de ocorrência, a polícia passou a investigar o caso, que se torna complicado porque não há filmagens de câmera de vigilância.

Nesta quarta-feira, 24, porém, uma reviravolta: o sacrário tinha sido vendido a um ferro-velho por R$ 160 – embora valha cerca de R$ 20.000 porque tem peças em ouro. A proprietária do estabelecimento reconheceu tratar-se de um sacrário e foi devolvê-lo à paróquia. Por ter sido arrombado, ele precisa passar por uma restauração.

Mas as hóstias consagradas não estavam mais dentro do sacrário quando ele foi vendido ao ferro-velho, conforme explicou o pe. Kazimerz Wojno, pároco da igreja roubada.

Na mesma quarta-feira, fiéis da paróquia organizaram uma noite de oração em reparação pela profanação do sacrário e pelo sacrilégio perpetrado contra o Corpo de Cristo. O convite aos paroquianos, enviado pelo WhatsApp, declarava:

“Somos todos Igreja, somos todos católicos, não importa a paróquia de que você faz parte”.

Unamo-nos espiritualmente a esta oração da Igreja em reparação por mais uma tristíssima profanação sofrida por Nosso Senhor na Santíssima Eucaristia.

A imagem que ilustra esta matéria é meramente ilustrativa: não se trata das hóstias consagradas desaparecidas.

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.