Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sexta-feira 27 Novembro |
São Máximo de Lérins
home iconEstilo de vida
line break icon

Os convidados chegaram? Dicas bíblicas sobre como ser um bom anfitrião

DINNER PARTY

Shutterstock

Cerith Gardiner - publicado em 03/06/19

O Livro do Gênesis pode oferecer muita inspiração para você receber seus convidados com tranquilidade

Hoje em dia, muitas vezes lamentamos como as boas maneiras parecem ter caído no esquecimento. É desafiador até mesmo dar uma festa nos dias de hoje, porque ninguém responde de forma sincera. E esqueça as mensagens de agradecimento.

Sim, esses são sinais dos tempos, mas podemos encontrar alguma orientação e inspiração na Palavra de Deus, que está viva e presente e pode responder aos nossos desafios modernos. As Escrituras fornecem muitos lembretes de quão importantes são as boas maneiras e por que devemos continuar a insistir nelas mesmo que pareçam antiquadas.

Um exemplo é como deveríamos receber amigos e familiares em nossas casas – um ato conhecido como hospitalidade. Apesar do que vemos no Pinterest e no Instagram, ser hospitaleiro não não tem a ver com o que servimos ou não. Tem mais a ver com nossa atitude perante nossos convidados.

Se olharmos para os esforços feitos por Abraão e Sara em Gênesis, capítulo 18, encontramos algumas dicas valiosas sobre como receber aqueles que entram em nossa casa. O capítulo fala da reação de Abraão ao encontrar três estranhos em sua residência. Ele não olha para eles com desconfiança, mas os cumprimenta com respeito.

Meus senhores, disse ele, se encontrei graça diante de vossos olhos, não passeis avante sem vos deterdes em casa de vosso servo.Vou buscar um pouco de água para vos lavar os pés.Descansai um pouco sob esta árvore. Eu vos trarei um pouco de pão, e assim restaurareis as vossas forças para prosseguirdes o vosso caminho. (Gênesis 18, 3-5)

A resposta dos visitantes a Abraão é “faze como disseste”, o que para nossos ouvidos modernos pode parecer estranho, mas Abraão não parece ofendido. Em vez disso, ele corre para sua esposa Sarah e lhe dá instruções para fazer pão; então ele seleciona um novilho para alimentar seus convidados.

A beleza desta história é que Abraão e Sara não questionaram a importância de oferecer conforto e sustento aos seus convidados – três estranhos. Sem dúvida eles estavam ocupados, com muito o que fazer naquele dia. Mas a hospitalidade para os povos antigos do Oriente Médio era considerada um mitsvá, um mandamento de Deus. Se um estranho estava precisando de comida ou água, ou um lugar para descansar ou dormir, era um dever sagrado cuidar dessas necessidades. Não importa a sua lista de tarefas, pois havia pessoas precisavam de acolhida e cuidado.

O que Abraão e Sara podem nos ensinar hoje? Por um lado, essa hospitalidade não tem a ver com drinks e petiscos, mas com tratar com respeito quem entra em nossa casa. Hoje, quando tantas pessoas estão ocupadas e sozinhas, ansiosas e deprimidas, algo tão simples como uma recepção calorosa pode ser um bálsamo transformador de vida.

Abraão e Sara também podem nos ensinar que a hospitalidade nos transforma. Não apenas nos ensina a deixar de lado nossas próprias necessidades em favor de outra pessoa, mas nos mostra que nunca sabemos o que Deus quer fazer através de nós. No caso de Abraão e Sara, os três convidados contaram-lhes uma grande promessa: no ano seguinte, o casal idoso teria finalmente um filho. E assim foi.

Então, mesmo que estejamos exaustos depois do trabalho, se houver uma batida à porta, devemos nos lembrar do exemplo de Abraão e Sara e fazer o melhor para sermos agradáveis aos visitantes, lembrando que é uma oportunidade para atendê-los e, assim, servir ao próprio Deus.

Tags:
AmizadeCaridadeVirtudes
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Jesús V. Picón
Padre com câncer terminal: perde os olhos, ma...
Papa Francisco com máscara contra covid
Reportagem local
As 3 “covids” do Papa Francisco
MARADONA
Pablo Cesio
Pelé sobre Maradona: "Espero que um dia jogue...
WEB2-COMMUNION-EUCHARISTIE-HOSTIE-GODONG-DE354465C-e1605635059906.jpg
Reportagem local
Internado na UTI, Pe. Márlon Múcio continua c...
John Burger
A melhor maneira de contar a seus filhos a ve...
MARYJA
Philip Kosloski
A melhor oração mariana para quando você prec...
POINSETTIAS,CHRISTMAS,ALTAR
A. J. Clishem
O segredo do grau de inclinação da cabeça de ...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia