Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Cadastre-se e receba Aleteia diretamente em seu email. É de graça.
Receber

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Ele desistiu de um trabalho lucrativo para construir camas para crianças carentes

SLEEP IN HEAVENLY PEACE
Compartilhar

Depois de construir uma carreira de sucesso, Luke Mickelson agora ajuda crianças a dormir um pouco melhor

Luke Mickelson, de Twin Falls, Idaho (EUA), parece ter levado uma vida verdadeiramente abençoada. No ensino médio, foi jogador de futebol americano. Depois, casou-se, começou uma família e treinou equipes esportivas de seus filhos, tudo enquanto desenvolvia uma carreira próspera. No entanto, um encontro com uma menina que não tinha cama mudou sua vida para sempre – e, ele diz, para melhor.

Em 2012, Mickelson e sua família ouviram falar de crianças em sua comunidade que não tinham camas para dormir. Então, usando as próprias camas de seus filhos como modelo, Mickelson e sua família decidiram construir uma cama beliche para dar às crianças carentes. Conversando com a CNN, Mickelson explicou:

Esta menina tinha um ninho de roupas, parecia um pequeno ninho de passarinho. Era nisso que ela dormia, era a cama dela.

A criança ficou tão agradecida por sua nova cama que não saía dela. A percepção de que havia crianças vivendo nessas condições, tão perto de casa, provou ser um ponto de virada para Mickelson, levando-o a tomar uma decisão drástica.

Depois de criar o programa Sleep in Heavenly Peace, uma organização sem fins lucrativos que constrói camas para crianças carentes e entrega na casa delas, ele decidiu, com o apoio de sua família, deixar sua lucrativa carreira e se concentrar em ajudar as famílias em dificuldades.

Mickelson passou a implementar procedimentos de segurança rigorosos e fornecer cursos de treinamento para seus ajudantes. E os resultados são impressionantes. Partindo da construção de 11 beliches em sua garagem, a instituição de caridade construiu 612 beliches até 2017. Com o lema “Nenhuma criança dorme no chão em nossa cidade”, a instituição abriu 65 filiais em todo o país, construindo e entregando mais de 1.500 leitos nos EUA.

A decisão de desistir de um emprego altamente remunerado para ajudar os necessitados foi fácil para Mickelson. “Descobri que a necessidade que tenho não é financeira”, disse ele. “A necessidade que tenho é ver a alegria no rosto das crianças, sabendo que posso fazer a diferença.”

De acordo com Mickelson, muitas dessas crianças passam por dificuldades. Elas podem vir de famílias rompidas que estão fugindo do abuso ou de famílias que estão realmente lutando para colocar comida na mesa. Ao oferecer a elas camas, a caridade também está lhes dando um senso de auto-estima, confiança e a percepção de que há pessoas por aí que se importam com elas.

Felizmente para Michelson, depois de desistir de seu trabalho anterior, ele recebeu uma nova oferta que, embora pague muito menos, permitiu que ele seguisse sua verdadeira paixão de ajudar as crianças a terem uma boa noite de sono.

São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.