Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 29 Novembro |
Bem-aventurados Dionísio da Natividade e Redento da Cruz
home iconEspiritualidade
line break icon

A noite escura da alma: uma análise psicológica

DARKNESS

Public Domain

Talita Rodrigues - publicado em 09/07/19

Aprenda a reconciliar-se com a sua própria história

Dentro da Psicologia Analítica, chamamos de “alma” uma parte do nosso ser que nos torna completos. Não raramente, atendo pacientes que buscam o (re)encontro com suas almas perdidas em algum momento de suas jornadas.
Quando pensamos em “alma”, automaticamente pensamos em serenidade, clareza e completude. E é justamente isso que a “alma” é. Quando a perdemos, perdemos o sentido, a autoidentidade e a clareza.
E aí vocês me perguntam: “mas Talita, onde é que a perdemos de vista?”.
Volte ao passado e lembre de todos os momentos marcantes. Lembre-se das dores sentidas, das decepções, do amor não correspondido e das tristezas que foram profundas. Dentre estes momentos, escolha o que mais marcou a sua vida, e que, a partir de então, você já não foi mais a mesma pessoa. Talvez tenha sido exatamente neste momento de sua jornada que sua alma se perdeu.
Hoje, você está aqui, e a alma pela qual você tanto busca – completude, esperança, clareza e serenidade – permanece naquele momento marcante do seu passado.
E, então, vocês me perguntam: “mas Talita, como faço para (re)encontrá-la, se o passado, passou?”.
Confesso que uma das maiores dificuldades que encontramos na clínica é fazer com que o paciente aceite que não se pode mudar o passado. Essa é, e acredito que sempre será, uma dificuldade do ser humano. Nós nos agarramos a um passado, pensando que tudo poderia ter sido diferente, e não vivemos o presente.
Para voltarmos naquele momento marcante de nossas vidas, o exato momento no qual nós nos perdemos de nossas almas, muitas vezes é necessário termos a vontade de reconciliação e a disposição ao perdão – a nós mesmos e ao outro.
Voltar ao momento o qual nos obrigou a lidar com o desprezo, com a angústia e com a solidão não é uma missão fácil. Temos medo de (re)viver e de sentir pela segunda vez tudo o que sentimos. Mas a missão, é necessária para o (re)encontro com nossa alma perdida.
Nossa completude e sentido retornarão a nós quando liberarmos o perdão a nós mesmos e àquele que nos feriu. É, meu amigo, quando isto acontece, já somos nós – outra vez.
Volte ao passado através de sua memória, relembre de suas batalhas mais difíceis, trabalhe e permita-se reconciliar-se com sua própria história.
E lembre-se sempre: jamais será possível mudarmos o nosso passado. Contudo, é possível voltarmos no tempo através de nossa memória e de nosso coração, e nos reconciliarmos com ele. Sua alma espera por você, para que a noite escura acabe e para o dia amanheça. Novamente!
Tags:
CéuSofrimento
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
POPE URBI ET ORBI
Reportagem local
Bênção Urbi et Orbi do Papa Francisco nesta s...
Folheto divulgado por Antônio Carlos da Silva
Reportagem local
Eu nasci mais ou menos em 1988: os 27 anos da...
READING
Gelsomino Del Guercio
3 regras fundamentais para os leitores da mis...
SANTUÁRIO DE APARECIDA INTERIOR BASÍLICA
Reportagem local
Suposto surto de covid-19 entre padres do San...
Jesús V. Picón
Padre com câncer terminal: perde os olhos, ma...
FATIMA
Philip Kosloski
Nossa Senhora de Fátima tem um conselho para ...
Medalha Milagrosa verdadeira ou falsa
Reportagem local
Cuidado: saiba distinguir entre a real Medalh...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia