Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Receba diretamente no seu email os artigos da Aleteia.
Cadastrar-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Santa Marta de Betânia, a padroeira das donas de casa e das profissionais do lar

Santas Marta e Maria de Betânia
Creative Commons
Compartilhar

A grande lição da irmã de Maria e Lázaro: equilibrar vida ativa e vida contemplativa em vez de “preocupar-se e inquietar-se com tantas coisas”…

A Igreja celebra em 29 de julho a festa litúrgica de Santa Marta de Betânia, irmã de Maria e de Lázaro, grandes amigos de Jesus. Lázaro, aliás, é o homem a quem Jesus ressuscitou quatro dias após ele ter morrido.

Foi a Santa Marta que o próprio Cristo disse:

Marta, Marta, tu te inquietas e te preocupas com tantas coisas, quando só uma basta. Tua irmã Maria escolheu a melhor parte, que não lhe será tirada“.

Ele se referia ao comportamento agitado de Marta, que estava preocupada em receber e servir muito bem a Jesus, enquanto sua irmã aproveitava a visita para estar serenamente ao lado do Mestre.

Na espiritualidade da Igreja, este episódio costuma ilustrar a necessidade de equilibrar com harmonia a vida ativa e a vida contemplativa, priorizando a quietude de espírito e a consciência da presença de Deus em meio às agitações do cotidiano.

Marta, sempre fiel a Jesus, foi uma das mulheres que acompanharam de perto a Sua Paixão, Morte e Ressurreição, com grande firmeza e coragem. O nome desta irmã de Lázaro e Maria vem do aramaico e significa “mestra” ou “senhora”.

A lição de serenidade que Jesus nos deu através de Santa Marta é um convite a não nos inquietarmos nem nos preocuparmos com tantas coisas, quando só uma basta: estar perto de Deus.

Santa Marta é considerada padroeira do lar, das cozinheiras, das donas de casa, das faxineiras, das casas de hóspedes, dos hoteleiros, das lavadeiras e das irmãs de caridade. Costuma-se também invocar a sua intercessão em casos urgentes e difíceis, pois foram as suas súplicas que levaram Jesus a trazer seu irmão Lázaro de volta a esta vida. Santa Marta é invocada, ainda, para ajudar os fiéis a realizarem com diligência os seus compromissos cristãos.

A Casa Santa Marta, no Vaticano

ServizioFotografico OR/CPP/CIRIC
Capela da Casa Santa Marta, no Vaticano

A partir da eleição do Papa Francisco, tornou-se mundialmente conhecida a Casa Santa Marta, que serve como hospedaria no Vaticano para bispos e sacerdotes em visita à Santa Sé. É lá que reside, atualmente, o próprio Santo Padre: Francisco preferiu as suas modestas instalações para ficar mais próximo das pessoas no dia a dia. Na capela da Casa Santa Marta, o Papa Francisco costuma celebrar diariamente a Santa Missa nos dias ordinários em que está no Vaticano.

©ServizioFoto graficoOR/CPP
Um quarto da Domus Sanctae Marthae, ou Casa de Santa Marta, no Vaticano

Oração a Santa Marta pela família

Ó Santa Marta, bem-aventurada,

que tantas vezes tiveste a honra

e a alegria de hospedar Jesus

em tua própria família,

de doar teu serviço a Ele

e que, juntamente com teus

santos irmãos Lázaro e Maria,

desfrutaste da divina

conversa e doutrina de Jesus,

roga por mim e pela minha família,

para que nela se conserve a paz

e o amor mútuo;

para que todos os seus membros

sigam a vontade de Deus.

Que o Senhor livre minha família

de toda desgraça espiritual e temporal.

Ajuda-me no cuidado dos meus filhos,

no amor ao meu cônjuge,

e alcança de Deus a graça

de ver todos unidos

sob o olhar paternal de Deus,

aqui nesta terra,

para depois voltar a vê-los

reunidos na morada eterna.

Amém.

Leia também: Os 3 mortos que Jesus ressuscitou – e os 3 pecadores que eles representam

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.