Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 29 Outubro |
São Colmano
home iconReligião
line break icon

Como obter a indulgência plenária da Porciúncula nos dias 1º e 2 de agosto

São Francisco de Assis prega aos passarinhos - Giotto

Ambrogio Bondone (Giotto) - Domínio Público

Reportagem local - publicado em 01/08/19

Saiba o que é o "Perdão de Assis" e não perca esta graça que o próprio São Francisco intercedeu para que fosse dada ao mundo

Todos os fiéis que visitarem qualquer igreja franciscana, em qualquer lugar do mundo, desde o meio-dia de 1º de agosto até a meia-noite de 2 de agosto, poderão obter a assim chamada Indulgência Plenária da Porciúncula.

MAS ATENÇÃO:

Não basta, obviamente, fazer a vista. É também necessário cumprir as condições habituais para se ganhar qualquer indulgência plenária, ou seja:

  1. A confissão sacramental, feita desde alguns dias antes até alguns dias depois de realizado o ato enriquecido de indulgência, e acompanhada pela firme rejeição de todo pecado e afeto ao pecado, inclusive venial;
  2. A comunhão eucarística;
  3. A oração pelas intenções do Papa, podendo ser, por exemplo, um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e um Glória.

O que são as indulgências

A Igreja concede a indulgência plenária mediante diversas práticas de piedade que podem ser realizadas ao longo de todo o ano ou em ocasiões específicas, como é o caso destas visitas a igrejas franciscanas nos dias 1º e 2 de agosto. Essas práticas, repita-se, devem ser acompanhadas pelas três condições habituais listadas acima.

O pe. Paulo Ricardo resume a respeito das indulgências: “A absolvição sacramental livra a pessoa do inferno e a indulgência livra a pessoa do purgatório“. Ele explica que o perdão dos pecados não resolve o problema das doenças espirituais do homem e, portanto, as indulgências são necessárias para que os efeitos do pecado, ainda no coração humano, sejam sanados.

O que é a Porciúncula

É a pequena igreja que São Francisco de Assis dedicou a Santa Maria dos Anjos. Ela hoje fica dentro da grande Basílica de Assis, construída entre os séculos XVI e XVII.

A igrejinha foi a segunda morada de São Francisco e dos seus primeiros frades. No Domingo de Ramos de 1211, foi lá que São Francisco recebeu a profissão de Santa Clara, dando assim origem à família religiosa das clarissas, de inspiração franciscana. A Porciúncula foi ainda o local em que, na tarde de 3 de outubro de 1226, São Francisco partiu deste mundo para a Casa do Pai.

O que é a “Indulgência da Porciúncula” ou “Perdão de Assis”

A Indulgência da Porciúncula foi concedida em 1216, quando São Francisco partiu para a cidade de Perúgia a fim de falar com o Papa Honório III após uma aparição de Jesus e Maria, rodeados por anjos, dentro da Porciúncula.

Durante essa aparição, Francisco tinha pedido a Jesus que concedesse uma indulgência a todas as pessoas que visitassem aquela igreja. Nosso Senhor atendeu ao pedido, mas sob a condição de que o santo fosse até Perúgia e solicitasse do Papa esse favor tão desejado. O Santo Padre o concedeu.

Foi um enorme presente obtido por São Francisco para as almas que ele tanto amava. Antigamente, a obtenção de indulgências era muito difícil para os fiéis, que precisavam partir em peregrinação a lugares distantes como a Terra Santa. Com a Indulgência da Porciúncula, porém, o assim chamado “Perdão de Assis” pode agora ser concedido em todas as igrejas franciscanas do mundo, cumpridas as condições habituais de qualquer indulgência.

Em 1966, por ocasião do 750º aniversário da concessão da Indulgência da Porciúncula, o Papa Paulo VI publicou a carta apostólica Sacrosancta Portiunculae Ecclesia, na qual indica, em referência às peregrinações dos fiéis:

“Queira Deus que a peregrinação transmitida durante séculos à igreja da Porciúncula, que Nosso mesmo predecessor João XXIII empreendeu com ânimo piedoso, não termine, mas, antes, cresça continuamente a multidão de fiéis que ali acorrem ao encontro com Cristo rico em misericórdia e com sua Mãe, que sempre intercede perante Ele”.
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
CéuMisericórdiaPerdãoSantos
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
OLD WOMAN, WRITING
Cerith Gardiner
A carta de uma irlandesa de 107 anos sobre co...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia