Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 28 Outubro |
São Sálvio
home iconAtualidade
line break icon

Regime cubano boicota encontro nacional da juventude católica

Pastoral Juvenil de La Habana

Reportagem local - publicado em 01/08/19

"Após a morte do cardeal Ortega, intensificou-se o assédio contra a Igreja e espera-se mais perseguição nos próximos meses"

A segunda Jornada Nacional da Juventude (JNJ) começa hoje, 1º de agosto, em Cuba, entre vários desafios impostos pelo regime que governa a ilha.

Um dos maiores foi a mudança do formato do evento, que deveria ter ocorrido de modo centralizado na cidade de Santiago de Cuba, mas, por restrições econômicas, acabou sendo fragmentado em eventos locais nas dioceses do país.

Outro desafio, denunciado pelo Movimento Cristão Libertação (MCL), é a determinação do regime cubano de que todas as atividades ocorram dentro das igrejas e não em locais públicos, o que restringe ainda mais o seu alcance, reduzindo possibilidades de confraternização e até impedindo práticas de piedade como as Vias Sacras planejadas para ocorrer em ruas de cidades como Santa Clara e Matanzas.

O MCL chegou a afirmar, em comunicado de 28 de julho:

“Após a morte do cardeal Ortega, intensificou-se o assédio contra a Igreja e espera-se mais perseguição nos próximos meses”.

Com a proibição de atividades públicas da JNJ, o pe. Jorge Luis Pérez Soto, assessor da Pastoral Juvenil da Arquidiocese de Havana, se reuniu com a comissão de organização da jornada para reorganizar o planejamento quase em cima da hora.

A agência ACI Digital menciona o comentário de um jovem que faz parte da pastoral:

“Um dos principais incentivos que tínhamos para a jornada era fazer a Via-Sacra e a vigília nas ruas de Havana. Íamos percorrer com a Cruz o bairro de Jesús María, uma das áreas mais pobres da cidade”.

Apesar dos boicotes do regime cubano, líderes da Igreja católica na ilha decidiram manter o encontro. Em plena missa de exéquias do cardeal Jaime Ortega, no último dia 26 de julho, o arcebispo dom Juan García Rodríguez, de Havana, afirmou claramente na homilia, perante as autoridades do regime, que “os jovens vão comparecer, sim, à JNJ, porque era um dos desejos do cardeal“.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
IdeologiaJuventudePerseguiçãoPolítica
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Pe. Zezinho
Francisco Vêneto
Duas emissoras brasileiras deturpam fatos em ...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia