Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Newsletter Aleteia: uma seleção de conteúdos para uma vida plena e com valor. Cadastre-se e receba nosso boletim direto em seu email.
Registrar

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Este bebê viveu apenas uma hora, mas mudou muitas vidas

Compartilhar

Look Up – Histórias de Esperança. Episódio 13 – Regina

 

Regina e Erik têm oito filhos e estão à espera de mais um. Sua casa estava cheia de emoção, mas nem tudo estava indo como deveria. Um check-up de quatro meses de gravidez deixou poucas dúvidas: a menina no ventre tinha espinha bífida e Trissomia 18. Para Regina e Erik, a única opção era a vida, não importando como ela se apresentasse. Eles procuraram um lugar onde o bebê pudesse ser recebido da melhor maneira possível e se inscreveram no Comfort Care, em Nova York. “A partir daquele momento tudo mudou”, disse Regina. “Embora estivéssemos cientes de todos os problemas, estávamos em paz, porque sabíamos que ela seria bem-vinda, cuidada e amada.” A menina, chamada Caeli, nasceu a 18 de junho de 2014. Apesar de ter vivido apenas uma hora, o amor de seus pais e irmãos a cercou em cada momento. “Cada um de nós teve a chance de segurá-la no colo”, disse Erik. “De certa forma, foi um momento alegre.” Em menos de 60 minutos, Caeli deixou uma marca permanente na vida de sua família e das pessoas que compareceram ao seu funeral. “Deus não faz distinção entre uma vida longa e uma curta”, diz Regina. “A vida de Caeli foi muito breve, mas foi uma vida completa!”

Descubra outras histórias como esta

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.