Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 12 Abril |
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Uma capela móvel contra a indiferença religiosa no Uruguai

capela-movel.png

Paróquia Santa Bernardita / Facebook

Reportagem local - publicado em 08/08/19

Apenas 38% se declaram católicos no país que trocou a Semana Santa pela Semana do Turismo

Entrevistado pela agência católica ACI Digital, o pe. Omar Franca, da paróquia uruguaia de Santa Bernardita, em Montevidéu, falou de uma peculiar iniciativa da comunidade para literalmente fazer circular a fé católica pelo bairro: uma capela móvel que percorre a feira local, incentivando a oração das pessoas que alegam falta de tempo para frequentar a igreja e respondendo à “indiferença no tocante ao religioso”.

Uma pesquisa de fevereiro de 2019 aponta que apenas 38% dos uruguaios se declaram católicos. O país, que é oficialmente laico há mais de 100 anos, substituiu celebrações católicas centrais, como o Natal e a Semana Santa, pelo Dia da Família e pela Semana do Turismo, respectivamente.

O pe. Omar resume o propósito da iniciativa:

“Assim como existem unidades móveis de cuidados intensivos médicos, que atendem doentes, a capela móvel quer levar Deus e a Igreja até onde as pessoas estão”.

A capela móvel existe graças à cooperação de muitos doadores, que contribuíram para comprar e adaptar um caminhão-baú. Dentro dele foram colocadas duas cadeiras, imagens religiosas, um vitral do Sagrado Coração, uma Bíblia e textos com orações, além de câmeras internas para reforçar a segurança. Depois de subir os três degraus de uma escada metálica, o visitante da capela móvel abre uma cortina e acessa o local de oração.

Na cabine, o pe. Omar reserva cerca de três horas por dia ao atendimento espiritual das pessoas que acolhem a iniciativa, chegando também a ouvir confissões.

Tags:
Oração
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia