Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 17 Abril |
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

A oração do estudante, por São Tomás de Aquino

web-saint-thomas-aquinas-public-domain

Public Domain | Wikimedia

Daniel R. Esparza - publicado em 13/08/19

Nunca é cedo demais para memorizá-la

Não é fácil ser estudante. Na verdade, não é mesmo para ser. A escola, em qualquer etapa – deve ser um desafio. Parafraseando São João da Cruz, para desfrutar do que você não sabe, é preciso antes aprender. E embora o aprendizado seja uma experiência profundamente satisfatória, o processo em si pode ser frustrantemente difícil. Em muitos momentos podemos precisar de uma pequena ajuda de nossos amigos.
É aí que entra São Tomás de Aquino, padroeiro dos eruditos: aqui está uma oração que ele mesmo escreveu, referindo-se a Deus como a fonte de todo o conhecimento.

Criador Inefável, Vós que sois a fonte verdadeira da luz e da ciência, derramai sobre as trevas da minha inteligência um raio da vossa claridade. Dai-me inteligência para compreender, memória para reter, facilidade para aprender, sutileza para interpretar e graça abundante para falar. Meu Deus, semeai em mim a semente da vossa bondade. Fazei-me pobre sem ser miserável, humilde sem fingimento, alegre sem superficialidade, sincero sem hipocrisia; que faça o bem sem presunção, que corrija o próximo sem arrogância, que admita a sua correção sem soberba; que a minha palavra e a minha vida sejam coerentes. Concedei-me, Verdade das verdades, inteligência para conhecer-Vos, diligência para Vos procurar, sabedoria para Vos encontrar, uma boa conduta para Vos agradar, confiança para esperar em Vós, constância para fazer a Vossa vontade. Orientai, meu Deus, a minha vida; concedei-me saber o que me pedis e ajudai-me a realizá-lo para o meu próprio bem e de todos os meus irmãos. Amém.

Tags:
Oração
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia