Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 29 Novembro |
Bem-aventurados Dionísio da Natividade e Redento da Cruz
home iconHistórias Inspiradoras
line break icon

Pai remarca feijoada beneficente para filho de 5 anos após ninguém aparecer

Walldecy Silva / Facebook

Aleteia Brasil - publicado em 14/08/19

O menino tem paralisia cerebral - e os pais não vão desistir de cuidar dele!

A feijoada que o pai de família Valdeci de Souza Silva preparou com grande sacrifício no conjunto habitacional onde mora, em Manaus, com a esposa, com o filho Valdinho, de 5 anos, e com a filhinha caçula de 5 meses, tinha sido marcada para o primeiro domingo deste mês, 4 de agosto.

Estava tudo pronto, graças aos donativos de ingredientes que ele tinha conseguido nos dias anteriores. Walldecy (grafia de seu nome que ele adota no Facebook) tinha divulgado o almoço aos vizinhos e conhecidos da região, visando angariar dinheiro para custear uma parte dos desembolsos mensais com o tratamento de Valdinho, que tem paralisia cerebral e Síndrome de West.

Desde as 9 horas da manhã do domingo, Walldecy estava a postos para receber as pessoas que participariam do almoço. A família estava esperançosa de aliviar um pouco o orçamento, pesado, que todo mês precisa ser direcionado ao tratamento da doença de Valdinho, diagnosticada ainda em seu terceiro mês de gestação.

A hora do almoço se aproximava. Como as pessoas estavam demorando a chegar, Walldecy começou a mandar mensagens, perguntando se elas iriam.

À medida que o tempo continuava passando, a hora do almoço se aproximava cada vez mais rápido, mas a espera pelas pessoas parecia cada vez mais eterna. Walldecy não recebia nenhum retorno às suas mensagens.

Ele esperou, com sua família, das 9 horas da manhã até as 5 horas da tarde.

“Fiquei o dia todo esperando. Não deu ninguém na feijoada do nosso guerreiro”.

Uma espera que se arrasta há muitos meses

O pai relatou ao site Razões para Acreditar:

“Desde 2017 estou tentando esse tratamento pelo SUS, mas sem sucesso. A luta com o nosso pequeno tem sido muito difícil, pois temos gastos muitos altos com fraldas, produtos de higiene, alimentação, que só pode ser líquida ou pastosa”.

Ele próprio sofre com a saúde: ex-operário da construção civil, teve que largar a profissão depois de um acidente de moto.

“Adquiri uma ferida na perna que não cicatriza, criando uma venosa. Optei em me virar com a venda de trufas. A mãe do Valdinho sempre trabalhou com serviços gerais e faxinas, mas, mesmo assim, não conseguimos cumprir com todos os gastos”.

As parcelas do financiamento da casa estão atrasadas. Contas de água e luz também.

“Recebemos o aviso de corte”.

O desabafo de Walldecy, no entanto, repercutiu nas redes sociais.

Apoiado por pessoas que ficaram sabendo da sua história, ele decidiu que não vai desistir: a próxima feijoada, reorganizada com amigos e vizinhos, está marcada para o dia 8 de setembro, a partir das 9h, no Residencial Manauara 1.

Não custa lembrar que 8 de setembro é a data em que a Igreja celebra a Natividade de Nossa Senhora!

Como você pode ajudar

Quem quiser ajudar a família de Walldecy com doações pode proceder assim:

  • Falando diretamente com ele via Facebook: AQUI.
  • Contribuindo com a vaquinha que ele criou: AQUI.

Outras pessoas precisando de ajuda:

O site Razões para Acreditar lançou a sua própria plataforma de vaquinhas online: é o VOAA, que significa “vaquinha online com amor e afeto”. A equipe responsável pela iniciativa resume o seu propósito: “Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz”.

Para conhecer histórias cujo final pode ser transformado, acesse o VOAA.

(Aleteia não tem nenhuma parceria formal com o site Razões para Acreditar, nem com a plataforma VOAA, nem ganha qualquer espécie de remuneração econômica ao divulgar esta iniciativa e estas histórias de solidariedade. Nós as divulgamos porque as consideramos dignas de apoio!) 

Tags:
CaridadeCriançasDoençaFamíliagenerosidadePaternidadesolidariedade
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
POPE URBI ET ORBI
Reportagem local
Bênção Urbi et Orbi do Papa Francisco nesta s...
Folheto divulgado por Antônio Carlos da Silva
Reportagem local
Eu nasci mais ou menos em 1988: os 27 anos da...
READING
Gelsomino Del Guercio
3 regras fundamentais para os leitores da mis...
SANTUÁRIO DE APARECIDA INTERIOR BASÍLICA
Reportagem local
Suposto surto de covid-19 entre padres do San...
Jesús V. Picón
Padre com câncer terminal: perde os olhos, ma...
FATIMA
Philip Kosloski
Nossa Senhora de Fátima tem um conselho para ...
Medalha Milagrosa verdadeira ou falsa
Reportagem local
Cuidado: saiba distinguir entre a real Medalh...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia