Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 27 Julho |
São Galactório
home iconHistórias Inspiradoras
line break icon

Ele nasceu de um estupro e se tornou um feliz sacerdote

CC / Pe. Antonio Vélez Alfar

Reportagem local - publicado em 29/08/19

"Minha mãe tem orgulho de ter defendido a vida"

O pe. Antonio Vélez Alfar costuma ter lágrimas nos olhos quando declara:

“Minha mãe tem orgulho de ter defendido a vida“.

Essa frase, afinal, o leva de volta ao dia em que a sua mãe lhe contou que ele foi concebido num estupro.

Sacerdote colombiano que vive o ministério pastoral como pároco em Chubut, na Argentina, o pe. Antonio decidiu tornar público o seu testemunho pessoal em reação ao ativismo judiciário que tenta justificar o aborto como um “direito” em vários países latino-americanos.

“Minha mãe era uma mulher de muita fé, devota e praticante. Ela dizia que, apesar das circunstâncias terríveis, carregava no ventre o milagre de uma vida nova, que Deus tinha dado a ela e que, pelas suas convicções, ela não poderia abortar. E se Deus tinha permitido isso, era porque tinha que ter algum sentido”.

Estuprada por colegas de trabalho

A mãe do pe. Antonio foi estuprada aos 27 anos por vários colegas de trabalho durante uma festa em que a drogaram. Ela ainda foi obrigada pela família a se casar com um viúvo, que viria a maltratá-la com frequência. Sem poder separar-se, apesar de haver motivos suficientes para se reconhecer a nulidade do matrimônio, ela teve de permanecer com esse homem e com seu segundo filho, enquanto Antonio foi enviado para a casa da avó.

O padre prossegue o relato:

“A minha mãe me contou o que tinha acontecido. Ela me disse que muita gente queria que ela abortasse. Outros sugeriam que ela me ‘vendesse’ ou me entregasse para adoção. E até tinha gente interessada em mim. Para mim, ficar sabendo disso tudo foi muito duro. Eu tinha 10 anos”.

Por que comigo?

Antonio um dia desabafou com Deus.

“Fui para a igreja protestar contra Deus: por que isso tinha que acontecer comigo? E, enquanto eu gritava, um padre se aproximou e me disse que eu estava fazendo a pergunta errada: ‘Não pergunte por quê, mas para quê’. Justamente com toda aquela situação, Deus estava me chamando para fazer alguma coisa grande”.

Aquele padre disse a Antonio que Deus escreve certo por linhas tortas e que ele seria um instrumento do Senhor. Depois começou a ler a passagem de Jeremias em que Deus o chama e ele resiste, o que leva o Senhor a lhe afirmar: “Não te preocupes: eu farei tudo por ti“.

“Essa conversa me marcou profundamente. Aquele padre foi para mim como um pai”.

Antonio acabou se tornando catequista e, depois de algum tempo, seminarista. Hoje, o menino que foi concebido num gesto hediondo de violência é um feliz sacerdote defensor da vida.

Tags:
AbortoTestemunhoVidaViolência
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Reportagem local
A arrepiante oração de uma mulher no corredor da morte por ser ca...
2
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Charbel disse?
3
Aleteia Brasil
Sorrisão e joelhos: 2 pais brasileiros e seus bebês que emocionar...
4
CROSS;
Reportagem local
O que significa o sinal da cruz feito sobre a testa, os lábios e ...
5
JENNIFER CHRISTIE
Jeff Christie
Minha mulher engravidou de um estuprador – e eu acolhi o bebê nas...
6
CONFESSION, PRIEST, WOMAN
Julio De la Vega Hazas
Por que não posso me confessar diretamente com Deus?
7
Anna Gębalska-Berekets
O que falar (e o que não falar) a um ente querido com câncer
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia