Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Cadastre-se e receba Aleteia diretamente em seu email. É de graça.
Receber

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Quer parar de julgar as pessoas assim que as conhece? Reze esta oração

AMIES JALOUSES
© Shutterstock
Compartilhar

Nem sempre a primeira impressão é a que fica

Quando observamos um amigo, um membro da família, alguém que encontramos nas mídias sociais ou alguém que não conhecemos, é fácil fazer um julgamento imediato. De alguma forma, tendemos a pensar que conhecemos todos os detalhes da vida da pessoa e começamos a tecer comentários.

Trata-se de um dos hábitos mais difíceis de parar, e para muitos de nós será uma luta para o resto de nossas vidas. No entanto, uma chave para quebrar esse costume é fazer um firme propósito de evitá-lo. Devemos escolher livremente interromper nossos julgamentos rápidos e pensar melhor nas outras pessoas, especialmente quando mal sabemos os detalhes sobre elas.

Aqui está uma oração atribuída a Thomas Kempis, que pede a ajuda de Deus para superar essa tendência de julgar os outros pelo que vemos. Reze agora:

Permiti-me, ó Senhor, saber o que devo saber,
amar o que devo amar,
para louvar o que mais vos agrada,
para valorizar o que é precioso aos vossos olhos e
odiar o que vos é ofensivo. 
Não me permitais julgar de acordo com o que meus olhos veem
nem proferir sentença de acordo com o ouvido de homens ignorantes,
mas discernir com um julgamento verdadeiro entre as coisas visíveis e espirituais,
e, acima de tudo, sempre perguntar qual é o bom prazer de vossa vontade. Amém. 

 

 

Boletim
Receba Aleteia todo dia