Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 29 Outubro |
São Colmano
home iconReligião
line break icon

Papa: estar atentos à Palavra de Deus

Antoine Mekary | ALETEIA

Vatican News - publicado em 03/10/19

"Que o Senhor nos dê a todos a graça de abrir o coração para esse encontro com a Sua Palavra e não ter medo da alegria"

O Papa Francisco convidou hoje os católicos a estarem atentos à Palavra de Deus, deixando que ela toque os corações.

A reflexão do Papa partiu da Primeira Leitura da Liturgia de hoje, extraída do Livro de Neemias (Ne 8,1-4a.5-6.7b-12). É a “história do encontro do povo de Deus com a Palavra de Deus. É tudo uma história de reconstrução”.

A referência é ao contexto em que acontece a história narrada: a reconstrução do Templo e o retorno do exílio. Neemias, o governador, fala com o sacerdote e o escriba Esdras para “entronizar” a Palavra de Deus: todo o povo se reúne na praça em frente à porta das Águas. O sacerdote Esdras leu: “ele abriu o livro à vista de todo o povo. E, quando o abriu, todo o povo ficou de pé.”

Os levitas explicavam a lei. “Uma coisa bonita”, observa o Papa Francisco, destacando como “estamos acostumados a ter este livro que é a Palavra de Deus mas, eu diria, estamos mal acostumados” enquanto ao povo “faltava a Palavra, tinha fome da Palavra de Deus, por esse motivo, quando vê o livro da Palavra, fica em pé”.

“Mas pensem que isso não acontecia há décadas, é o encontro do povo com o seu Deus, o encontro do povo com a Palavra de Deus”:

Neemias, que era o governador, Esdras, sacerdote e escriba, e os levitas que admoestavam o povo, disseram a todo o povo:” Este dia é consagrado ao Senhor.” Para nós é o  domingo. Domingo é o dia do encontro do  povo com o Senhor, o dia do encontro da minha família com o Senhor. O dia do meu encontro com o Senhor, é um dia de encontro. “Este dia é consagrado ao Senhor”.

Por isso, Neemias, Esdras e os levitas exortavam as pessoas a não ficarem tristes e a não chorar. De fato, a Primeira Leitura de hoje narra como todo o povo chorava ao ouvir as palavras da lei. “Chorava de emoção”, “chorava de alegria”, sublinha Francisco:

Quando ouvimos a Palavra de Deus, o que acontece no meu coração? Estou atento à Palavra de Deus? Eu deixo que toque o meu coração ou estou ali, olhando para o teto, pensando em outras coisas e a Palavra entra por um ouvido e sai pelo outro, não chega ao coração? O que faço para me preparar para que a Palavra chegue ao coração? E quando a Palavra chega ao coração, há o choro de alegria e há uma festa. Não se pode entender a festa de domingo sem a Palavra de Deus, não se entende. “Então Neemias lhes disse ‘Ide para vossas casas e comei carnes gordas, tomai bebidas doces e reparti com aqueles que nada prepararam, pois este dia é santo para o nosso Senhor. Não fiqueis tristes, porque a alegria do Senhor será a vossa força’.

Então o Papa volta a recordar que a tristeza, por outro lado, não é a nossa força:

A Palavra de Deus nos alegra, o encontro com a Palavra de Deus nos enche de alegria e essa alegria é a minha força, é a nossa força. Os cristãos são alegres porque  aceitaram, receberam no coração a Palavra de Deus e continuamente encontram a Palavra,  a buscam. Esta é a mensagem de hoje para todos nós. Um breve exame de consciência: como eu escuto a Palavra de Deus? ou simplesmente não a escuto? Como me encontro com o Senhor em sua Palavra que é a Bíblia? E depois: estou convencido de que a alegria do Senhor é a minha força? A tristeza não é a nossa força.

“Os corações entristecidos”, de fato, o diabo os coloca para baixo, enquanto a alegria do Senhor “nos faz levantar, olhar, cantar e chorar de alegria”.

Um dos salmos diz que, no momento da libertação da Babilônia, o povo judeu pensava estar sonhando, não podiam acreditar. A mesma experiência acontece “quando nós encontramos o Senhor em sua Palavra”, quando pensamos: “Mas isso é um sonho …” e “não podemos acreditar em tamanha beleza”.

“Que o Senhor nos dê a todos a graça de abrir o coração para esse encontro com a Sua Palavra e não ter medo da alegria, não ter medo de fazer a festa da alegria”,  aquela alegria – volta a sublinhar o Papa Francisco – que brota precisamente deste encontro com a Palavra de Deus.

(Com Vatican News)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
PapaPapa Francisco
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
OLD WOMAN, WRITING
Cerith Gardiner
A carta de uma irlandesa de 107 anos sobre co...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia