Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 31 Outubro |
Beato Domingos Collins
home iconReligião
line break icon

O Sínodo e os índios

Antoine Mekary | ALETEIA

Vanderlei de Lima - publicado em 14/10/19

Nada substitui o anúncio do Evangelho

Uma das sérias críticas feitas por Dom José Luís Azcona, bispo emérito de Marajó, na Amazônia brasileira, é o da falta de apoio ao anúncio explícito do Evangelho e o retorno a religiões pré-cristãs presente no Instrumentum Laboris (IL) – Instrumento de trabalho – sinodal (cf. ACI Digital, 20/08/19, online). O tema merece atenção.

De início, digamos que o anúncio da Boa Nova de Jesus Cristo – silenciado no IL – é primordial na Igreja. Nosso Senhor mesmo disse: “Ide, pois, e fazei discípulos todos os povos, batizando-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo” (Mt 28,19). É o famoso mandato missionário que, há 2000 anos, destemidos evangelizadores cumprem em todo o mundo. Dentre eles, destaca-se São Paulo que, impregnado de amor a Deus e aos irmãos, não só pregou, mas exclamou: “Ai de mim se eu não evangelizar” (1Cor 9,16). Nada, portanto, substitui o anúncio do Evangelho (cf. Decreto Ad Gentes, 1965).

Todavia, a sonegação do Evangelho aos indígenas por parte de “missionários católicos” não vem de hoje. Já foi denunciada, há 42 anos, no livro Tribalismo indígena: ideal comuno-missionário para o Brasil do século XXI (S. Paulo: Vera Cruz, 1977, 128 p.), de Plinio Corrêa de Oliveira. Em 2002, Dom Amaury Castanho, então Bispo de Jundiaí (SP), também rebatia, em termos fortes, a ideia deturpada de missão entre os índios ao escrever que “alguns clérigos afoitos ousaram afirmar ser desnecessário o anúncio explícito de Jesus Cristo, do seu plano salvífico e de sua missão redentora, de seu primado e senhorio, aos povos e nações indígenas”. E continua: “Esse posicionamento de não poucos ‘missionários’ atuando no Brasil, especialmente na Amazônia, em que os grupos indígenas são mais numerosos, é extremamente preocupante. Sonegar-lhes o Evangelho, omitir-se o anúncio da natureza divina e humana do Filho de Deus que se encarnou irrompendo em nossa história, que revelou o verdadeiro rosto paterno e materno de Deus, reuniu e preparou durante três anos os Doze para darem continuidade à missão salvífica que Deus Pai lhe confiou, negar aos nossos índios, ou a quem quer que seja, o primado de Jesus constituído ‘Senhor’ e único Salvador, Mestre, Caminho, Verdade e Vida, crucificado, morto e ressuscitado, fundador da Igreja em que estará presente até o fim dos tempos (Mt 28,16-20) é, inegavelmente, uma traição ao mandato missionário. Traição, também, ao próprio homem, tão ou mais carente de evangelização que de pão” (Evangelização da cidade: desafios. Jundiaí: Rami, 2002, p. 10).

Mais: há quem não só defenda que o índio permaneça como era nos primórdios, mas deseja exportar seu modelo de vida ao mundo, transformando-o numa grande taba com todas as suas consequências. Ora, isso não corresponde ao anseio inato de cada ser humano por Deus e sua única verdade, conforme disse o Papa Bento XVI, na Abertura do Celam, em Aparecida (SP), no dia 13/05/2007: “o que significou a aceitação da fé cristã para os povos da América Latina e do Caribe? Para eles, significou conhecer e acolher Cristo, o Deus desconhecido que os seus antepassados, sem o saber, buscavam nas suas ricas tradições religiosas. Cristo era o Salvador que esperavam silenciosamente. Significou também ter recebido, com as águas do batismo, a vida divina que fez deles filhos de Deus por adoção; ter recebido, outrossim, o Espírito Santo que veio fecundar as suas culturas, purificando-as e desenvolvendo os numerosos germes e sementes que o Verbo encarnado tinha lançado nelas, orientando-as assim pelos caminhos do Evangelho. Com efeito, o anúncio de Jesus e do seu Evangelho não supôs, em qualquer momento, uma alienação das culturas pré-colombianas, nem foi uma imposição de uma cultura alheia” (cf. At 17,23-28). Desejar o contrário disso seria fazer o índio regredir, conforme o mesmo Papa: “A utopia de voltar a dar vida às religiões pré-colombianas, separando-as de Cristo e da Igreja universal, não seria um progresso, mas um regresso. Na realidade, seria uma involução para um momento histórico ancorado no passado”.

Que tais ensinamentos falem alto à nossa mente e ao nosso coração para dizermos sim ao Evangelho, e não às ideologias estranhas a ele.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Sínodo
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Brasileira Simone Barreto Silva é vítima de ataque terrorista na catedral de Nice
Reportagem local
Brasileira é vítima no ataque terrorista na c...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Reportagem local
França: atentado na basílica de Notre Dame em...
Pe. Robson de Oliveira
Francisco Vêneto
Defesa desmente Fantástico, da TV Globo, em n...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia