Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Alimente o seu espírito. Receba grátis os artigos da Aleteia toda manhã.
Inscreva-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Católico acredita em atividades paranormais?

© Mysticsartdesign / Pixabay
Compartilhar

Para os católicos, não há mistério sobre quem está por trás de certos fenômenos paranormais

Nas últimas duas décadas, houve um aumento constante de pesquisadores e sociedades ligadas a atividades paranormais. Esses grupos investigam coisas que a ciência não pode explicar, como telecinese, percepção extra-sensorial e fantasmas.

Mas, para os católicos, o que é atividade paranormal e como ela se encaixa na nossa fé?

Primeiro, uma definição de “paranormal”, conforme o escritor Marco Pennekamp:

“Paranormal consiste em ‘para’ (além) e ‘normal’. O mundo normal em que vivemos é explicável pelo entendimento científico atual. O mundo paranormal não. Podemos ser capazes de explicar algumas partes do mundo paranormal no futuro. Elas fazem parte do mundo natural, mas atualmente não fazem parte do mundo normal.”

De acordo com a definição, a atividade paranormal é considerada dentro dos limites da “ciência”, embora não seja imediatamente explicável. A teoria é que tudo o que parece estar fora da ciência é simplesmente algo que não foi estudado o suficiente e, no final, terá uma explicação natural.

Normalmente, os crentes da atividade paranormal depositam sua fé em um mundo sem Deus. Se há fantasmas, dizem eles, há potencialmente uma explicação científica por trás disso.

Nós, católicos, temos uma visão um pouco diferente. Reconhecemos que a atividade paranormal é real e concordamos que ela está fora da ordem natural da ciência. Acreditamos que existe um mundo sobrenatural que não podemos ver e que afeta o mundo visível.

Isso não quer dizer que todos que reivindicam uma experiência paranormal estejam tendo uma experiência espiritual. De fato, os católicos são céticos a esse respeito, e sempre buscam uma explicação científica – médica ou não – para as coisas em primeiro lugar.

Mas os católicos não negam a existência espiritual … e isso pode significar tanto a atividade de Deus e seus anjos quanto a atividade de demônios.

Portanto, embora seja verdade que possam haver muitos casos em que a ciência explique o que aconteceu, também é verdade que experiências extraordinárias podem estar ligadas a Deus ou a criaturas espirituais.

Enfim, enquanto as sociedades paranormais continuam buscando a explicação de tais coisas, os católicos não têm dúvidas quanto à origem de tais fenômenos.

Leia também: O perigo espiritual dos caça-fantasmas

 

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.