Aleteia
Terça-feira 27 Outubro |
São Fulco
Histórias Inspiradoras

Chef mundialmente famoso abre refeitórios para pobres

FOOD FOR SOUL MASSIMO BOTTURA

The Felix Project

Theresa Civantos Barber - publicado em 31/10/19

Massimo Bottura buscou inspiração no Papa Francisco e nos mosteiros católicos

“Foi ali que começou minha paixão pela cozinha, aos pés das mulheres que eu mais amava”, disse o chef Massimo Bottura, descrevendo sua avó Ancella e sua mãe Luisa.

“Quando criança, eu estava sempre debaixo da mesa da cozinha. Era meu refúgio dos tormentos e ameaças dos três irmãos mais velhos. Encontrei paz aos pés da minha avó enquanto ela estendia a massa para tortellini, entre os cheiros de caldo e carne assada… com farinha caindo dos lados da mesa e um punhado de tortellini cru roubado enquanto elas estavam de costas.”

FOOD FOR SOUL Massimo Bottura
Simon Owen Red Photographic

Essa ideia da cozinha como um lugar seguro e acolhedor continua a moldar o trabalho de sua vida. Hoje, Bottura é proprietário e administra o famoso Osteria Francescana de Modena, um restaurante que rotineiramente encabeça as melhores listas de restaurantes.

Em 2016, ele foi eleito o chef número 1 do mundo e recentemente atuou na segunda temporada do programa de TV Master of None. O mais impressionante de tudo, no entanto, é o compromisso de Bottura com a caridade, que assumiu uma forma incomum e engenhosa: sua organização sem fins lucrativos, Food for Soul.

A Food for Soul opera uma rede crescente de refeitórios em todo o mundo. Chefs famosos preparam as refeições e usam ingredientes que poderiam ter sido descartados.

Essas cozinhas são chamadas refettorios (refeitórios), inspiradas nesses ambientes dos mosteiros, onde os monges se reúnem para compartilhar suas refeições diárias.

O objetivo é que esses centros ofereçam um espírito monástico de restauração pacífica e boas-vindas calorosas a quem chega.

Bottura diz que queria um lugar onde as pessoas em dificuldades pudessem ter pelo menos uma hora no dia em que pudessem “desfrutar o prazer de uma bela refeição em um belo lugar”.

Simon Owen Red Photographic

O primeiro Refettorio começou foi apresentado na Milan World Expo em 2015. Bottura havia sido convidado a cozinhar para a inauguração, mas optou por celebrar a maior exportação italiana: a hospitalidade.

O plano original era criar um refeitório na estação central de Milão, na qual alguns dos maiores chefs do mundo seriam convidados a cozinhar ao lado dele para os sem-teto da cidade. Na época, a estação estava lotada de refugiados que viajavam para o norte a partir dos portos do sul. Foi, pelo relato de Bottura, o Papa que mudou de ideia sobre o local.

Através da rede de caridade católica Caritas, a ideia de Bottura chegou ao Vaticano. O Papa Francisco perguntou como poderia tornar a ação mais sustentável. Por que não localizar o Refettorio em um dos bairros degradados da periferia da cidade?

Shehanhanwellage

Ele colocou Bottura em contato com o pároco de Greco, monsenhor Giuliano, que sugeriu um teatro abandonado ao lado de sua igreja como local de encontro, e nasceu uma parceria improvável – que levou a um compromisso de tempo integral de servir os mendigos e pobres.

O conceito do Refettorio pegou e começou a se espalhar. Outro foi aberto no Rio de Janeiro para as Olimpíadas de 2016, seguido por outros dois em Londres e Paris.

Embora os dois primeiros Refettorios tenham sido criados para grandes eventos, o conceito evoluiu muito além de suas raízes temporárias. Estas são cozinhas comunitárias construídas para durar.

“Não estamos interessados ​​em tendas. Estamos interessados ​​em sementes”, diz Bottura. “Eles vão crescer e se expandir por todo o mundo.”

Paolo Saglia

Agora, Bottura tem como objetivo levar o conceito para o exterior, depois de receber uma doação de US$ 650.000 da Fundação Rockefeller para abrir pelo menos dois Refettorios nos EUA.

Um deles está programado para abrir no Bronx no próximo ano. A localização do outro ainda não foi decidida, mas Bottura mencionou possíveis locasi candidatos, incluindo Miami, Detroit, Nova Orleans e Chicago.

Bottura manteve-se fiel ao longo dos anos a sua visão da cozinha como fonte de companhia, acolhida e paz. No fundo, ele continua o trabalho que sua mãe e avó começaram quando passaram décadas cozinhando para suas famílias, dia após dia. Ele está simplesmente expandindo esse serviço amoroso para incluir muito mais pessoas.

“Isso reflete a maneira como eu cresci, os valores que minha mãe e minha avó me deram”, diz o chef.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
CaridadePobrezaSaúde
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
SAINT MICHAEL
Philip Kosloski
Oração a São Miguel por proteção contra inimi...
Pe. Zezinho
Francisco Vêneto
Duas emissoras brasileiras deturpam fatos em ...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia