Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Alimente o seu espírito. Receba grátis os artigos da Aleteia toda manhã.
Inscreva-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Rotina, esforço, cansaço… Até que ponto devo perseverar?

ZMĘCZONA MATKA
Shutterstock
Compartilhar

Há pessoas que esperam, que mantêm a lâmpada da sua vida acesa, que não desistem dos seus sonhos

Nós nos cansamos rapidamente e deixamos nossos sonhos de lado. Nossas grandes ideias, nossos projetos magníficos ficam no papel, desistimos diante das primeiras dificuldades.

Não se trata de pensar em construir o muro mais alto, mas em colocar do tijolo que preciso colocar agora, da melhor forma que puder.

O que conseguimos na vida só poderá ser analisado quando tivermos cumprido nossos dias na terra. Mas se nos cansamos nos primeiros passos, se desistimos impacientemente logo de cara, nunca alcançaremos nossos objetivos, aquilo pelo que ansiamos.

Alguém disse que “o sucesso depende de 1% e inspiração e 99% de transpiração”. Boas ideias sem esforço ficam em bonitas intenções. Sem sacrifício, sem esforço, sem renúncia, nunca chegaremos à meta.

Há pessoas que esperam, que mantêm a lâmpada da sua vida acesa, que não desistem dos seus sonhos, que acreditam nas promessas e perseveram com um coração simples e paciente.

Quantas vezes em nossa vida a preguiça nos afasta da vontade de Deus! Cansamos de não encontrar Deus em nossa vida cotidiana e queremos buscá-lo no extraordinário.

No entanto, Ele se empenha em nos saudar o cotidiano da nossa vida. Esperamos grandes milagres, acabamos esquecendo do som da sua voz, que sussurra no silêncio.

O Papa Francisco disse:

“Sua vida cotidiana é a vida cotidiana de Deus. É nela que Deus se entrega a você, e é dessa maneira tão comum e tão simples em suas formas que Deus vai dando a conhecer sua vontade.

Tendemos a buscar esse irresistível fascínio do espetacular e chamativo, do extraordinário e fora do comum, fazendo do milagre quase um ideal. A encarnação é um Deus que se faz carne de menino; a redenção se realiza no aparente e estrepitoso fracasso de uma cruz; o grande prodígio da Eucaristia gravita sobre um pouco de pão e um pouco de vinho.

Sua santidade será mais real quanto mais crescer escondida, como grão fecundo, na terra árida e dura da sua vida cotidiana. É aí que você está chamado a impregnar todas as coisas, pessoas e circunstâncias de uma profunda visão de fé, capaz de perceber, em tudo e em todos, esse sussurro do céu que é Deus presente na sua vida. Descubra e renove o valor desse pequeno dia a dia da sua vida, que será extraordinário na medida em que você souber preenchê-lo com Deus.”

Quantas vezes, esperando a manifestação gloriosa de Deus, perdemos esse Deus que fala no sussurro do cotidiano! Deus nos busca em nossas tarefas diárias, em nossa vida comum, no barulho do nosso dia a dia. Aí está Ele, oculto, presente, vivo. Ele está ao nosso lado sem chamar a atenção, esperando, ansiando.

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.