Aleteia

6 características das pessoas felizes

Victor Torres | Stocksy United
Compartilhar

Quer ser mais feliz? Preste atenção nestes comportamentos e atitudes

Vamos explorar seis comportamentos e atitudes adotadas regularmente pelas pessoas que se declaram felizes. Inspire-se:

1
Prática assídua da gratidão

Levantar-se de manhã e sorrir diante do espelho para começar bem o dia pode parecer ingênuo para algumas pessoas. No entanto, é, sem dúvida, a principal característica das pessoas felizes: elas apreciam o que têm e são gratas por tudo o que lhes acontece. Não se trata de se alegrar por seus fracassos, mas de se concentrar no que é bom e bonito em sua vida.

2
Curiosidade e entusiasmo

Sem um toque de curiosidade, seria complicado – ou mesmo impossível -descobrir novas oportunidades, conhecer novas pessoas ou visitar novos lugares. A curiosidade tem a virtude particular de nos tornar humildes diante da multiplicidade de possibilidades que a vida nos oferece. Isso nos permite ouvir os outros e entender seu ponto de vista. Isso facilita o primeiro passo na construção de relacionamentos íntimos com os outros. A curiosidade é importante, porque a arte de se cercar de amigos e cultivar relacionamentos com os outros é precisamente um dos primeiros ingredientes da felicidade.

3
Relacionamentos profundos

Construir relacionamentos duradouros com amigos, familiares e outros entes queridos sem esperar obter algo deles é um dos pilares da vida das pessoas felizes. É uma receita que funciona tão bem que se torna um círculo virtuoso: quem se considera feliz geralmente comunica sua alegria de viver àqueles que o rodeiam. Isso é a melhor defesa contra a tristeza. Na realidade, nem sempre nos sentimos prontos para sermos felizes. Muitos consideram que sua felicidade depende do comportamento dos outros. No entanto, a felicidade está dentro de nós: tudo depende de como exercitamos nossa liberdade e fazemos nossas escolhas. Felicidade é assumir a responsabilidade pelo que acontece conosco e, mesmo diante das dificuldades, cultivar profunda alegria e confiança na vida todos os dias. Isso pode ser aprendido: nenhum destino nos obriga a ser tristes ou infelizes. Essas são boas notícias.

4
Perseverar na esperança

Os contratempos fazem parte da vida, mas as pessoas otimistas, aquelas que sabem cultivar a esperança em todas as circunstâncias, não param quando falham. Eles analisam suas falhas para aprender lições e ensinamentos construtivos. Isso requer um certo rigor em saber como rejeitar rapidamente a tentação de ruminar continuamente, e preferir memórias reconfortantes! A esperança nos dá força e fé para crescer, e nos permite melhorar e aprender a alcançar coisas cada vez mais belas em nossa vida.

5
Apreciar as maravilhas da vida

Quando confrontados com paisagens de tirar o fôlego ou obras de arte excepcionais, as pessoas felizes sabem como se maravilhar. Também é o caso das coisas mais comuns da vida: uma flor, um objeto ou o admirável funcionamento do corpo humano. Essa abertura mental é a chave para a felicidade delas. Graças a isso, elas não hesitam em experimentar e experimentar novas idéias. Elas exercitam sua criatividade e encontram soluções para os problemas, mesmo que isso signifique sair da trilha batida … Pense fora da caixa!

6
Confiar

As pessoas felizes escolhem acreditar nos outros e na vida, como uma criança que confia totalmente em seus pais. Cultivar essa atitude significa tentar amar a vida como ela é, com seus altos e baixos, suas alegrias e tristezas. Buscar essa profunda reconciliação com a vida vale a pena. É como apostar na confiança em outras pessoas, na vida e em Deus. É como ter confiança em seus filhos, porque você acredita e espera que eles tenham sucesso ou tenha fé em Deus, o que significa confiar nEle no caminho que Ele escolhe para nós.

Boletim
Receba Aleteia todo dia