Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sábado 02 Março |
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

Refletir sobre 2019 pode ajudar a ter um 2020 melhor

WOMAN,DAYDREAMING

Shutterstock

Beatriz Camargo - publicado em 15/12/19

Antes de dezembro acabar, reserve algumas horas para exercitar sua mente, ajuizar os pensamentos e se preparar para o novo ano

O ano está chegando ao fim e, nesse momento, é impossível não pensar em tudo o que ocorreu ao longo dos últimos 365 dias. Sendo assim, o fim do ano é a época perfeita para refletir, ajustar o foco e, assim, desenvolver com clareza os objetivos para o futuro.

E é justamente o exercício de olhar para o passado sob a ótica do discernimento que irá nos tornar mais sábios, deixando-nos mais hábeis em distinguir o bom do que é prejudicial – tanto para nós mesmos quanto para o mundo ao nosso redor.

E quanto mais dispostos estamos para olhar honestamente para os próprios erros, maior será nosso crescimento espiritual. Se essa é a sua busca pessoal, reserve um ou dois dias para praticar esse exercício inspirado nas técnicas do mindfulness:

1° passo – Escolha um lugar calmo e agradável de sua casa, o ideal é que ao longo de, ao menos, 30 minutos nada lhe ofereça distrações e também que ninguém o interrompa. Para quem é iniciante no mindfulness, é recomendado que a meditação seja praticada numa cadeira, preferencialmente de encosto reto e sem braços. Ao sentar, mantenha a postura ereta e tente não usar o encosto da cadeira (essa posição auxilia no controle da respiração), os pés devem tocar totalmente o chão. O queixo deve ficar levemente para baixo, mas longe do pescoço. As mãos devem estar relaxadas e apoiadas sobre as coxas;

2° passo – Com os olhos fechados, comece a perceber como está sua respiração, os movimentos do tórax e do abdômen durante a inspiração e a expiração e como é a sensação da passagem do ar quando entra e sai pelas narinas. Se preferir, conte as respirações de acordo com o ciclo – inspiração, expiração (1), inspiração, expiração (2)… – e, quando chegar ao 10, recomece do zero;

3° passo – Após cerca de cinco minuto, você já estará plenamente conectado à sua respiração. Nesse momento é esperado que mente comece a divagar para algum tipo de pensamento ou preocupação. Procure refletir sobre fatos que você viveu no último ano e que não deseja que aconteçam novamente em sua vida. Tente mentalmente criar situações em que eles poderiam ser evitados e também justifique como eles estão distantes dos valores e expectativas que você busca para a sua vida.

Encerramento – Após sentir que sua reflexão foi profunda o bastante ou, até mesmo, que alcançou mais clareza em seu raciocínio, busque aos poucos retomar a atenção à sua respiração e às sensações que emanam de seu corpo. Faça então o sinal da cruz e reze o “Pai Nosso” tendo em mente suas intenções.

Feito isso, relaxe o corpo e encontre uma posição confortável. Deixe o sentimento de autocrítica em que você estava de lado e comece a olhar para a sua vida com mais gentileza. Assim como acontece com as crianças e os adolescentes, o aprendizado ocorre em melhores condições quando a lição é ensinada com apoio e carinho. Por isso, tal recurso é válido em nosso processo interno que nos guia em direção à sabedoria e ao amadurecimento emocional.

Em algo que podemos chamar de “remorso gentil”, sentimentos como o perdão e a compaixão surgem e nos ajudam a aceitar tanto os nossos erros como também os dos outros, tornando o coração mais leve. Após relembrar momentos ruins do passado, você se depara agora com o arrependimento e tristeza, e então se dará conta de que não quer mais se sentir assim. Ciente disso, você estará mais sábio e poderá agir de forma diferente no futuro, e isso será um processo que você incorporará a medida que exercitar cada vez mais sua mente nesse sentido.

Depois dessa meditação, passe o resto do dia concentrando em coisas boas e que lhe tragam paz, vale ouvir uma música que você gosta muito, cozinhar ou comer algo que você e sua família apreciam, ou até mesmo caminhar até um lugar que ofereça uma linda visão do por do sol. E, antes de dormir e de fazer suas orações, avalie o quão melhor você está se sentindo. Se você estiver mais tranquilo e relaxado, sorria, mesmo que apenas mentalmente, e agradeça ao Senhor pela oportunidade de evoluir espiritualmente.




Leia também:
Exercícios de “Atenção Plena” (Mindfulness) podem melhorar nossa vida?

Tags:
ConfiançaMeditaçãoVirtudes
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia