Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 17 Abril |
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

Jesus, como eu tenho saudade de Ti!

fr430120c.jpg

Pascal Deloche / GODONG | Ref:430

Veillée de prière en l’église Saint-Étienne-du-Mont.

Talita Rodrigues - publicado em 03/01/20

Há dias em que nada e ninguém é capaz de nos consolar
Há momentos em que eu me imagino em Seu colo, chorando feito uma criança, pelos desamores, dissabores e dificuldades da vida.
Há dias em que nada é capaz de me consolar. Nestes dias, eu imagino um lindo campo no céu, com um banco simples de madeira, onde eu estaria ao Seu lado. Eu passaria horas conversando com Você, e contando sobre tudo aquilo que está guardado em meu coração e que eu não conto a ninguém. Eu Te contaria sobre as minhas dificuldades, a solidão tremenda que tenho sentido, as desesperanças e  toda a dificuldade pela qual tenho passado.
Eu choraria em Seu ombro, e minhas próprias lágrimas teriam o poder de me devolver o ar que todas as situações acima ainda roubam de mim. Eu Te contaria também sobre todos os meus sonhos, e sei que entenderia cada coisa que está em meu pequeno e frágil coração.
No momento em que me imagino em Ti, eu percebo que só o Senhor é capaz de entender cada milímetro da minha dor – e de me confortar.
Por isso, eu digo: eu tenho saudades de Ti e saudades do meu lugar junto a Ti.
Quando eu tiver o merecimento de olhar-Te face a face, eu tenho a absoluta certeza de que não haverá mais dor, nem choro e nem tristeza. Haverá apenas alegria e sua companhia amorosa e doce. Ahh, como eu tenho saudades de Ti!
Que a cada dia mais, e especialmente neste novo ano que se inicia, eu e todos que também confiam em Ti, possamos ter a coragem, a ousadia e o privilégio de viver um pouquinho do céu, na terra. As lágrimas cessarão, a alegria virá pela manhã e os desprezados pelo mundo serão cada vez mais amados por Ti.
Que eu possa ser a cada dia mais digna, do céu e de sua doce presença que acalma.

Tags:
ConfiançaJesus
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia