Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Alimente o seu espírito. Receba grátis os artigos da Aleteia toda manhã.
Inscreva-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Francisco transforma palácio do Vaticano em abrigo para sem-teto

PALACE FOR POOR
Compartilhar

Convento do século 19 passou por reformas para abrigar os pobres de Roma

Em novembro de 2019, o Papa Francisco abençoou um projeto que ele apelidou de “Palácio dos Pobres”. Trata-se do convento de Calasanziane. O prédio é do século XIX e foi reformado. O palácio ainda leva o nome da família romana que o construiu séculos atrás: Palazzo Migliori – “Palácio dos Melhores”.

Acontece que, quando as freiras e as jovens mães cuidavam que moravam no local se mudaram para outras instalações, o Papa Francisco instruiu pessoalmente o cardeal Konrad Krajewski a transformá-lo em um refúgio onde os sem-teto e os pobres de Roma pudessem dormir, comer e aprender.

Estamos falando de um imóvel privilegiado, devido à sua proximidade com a Praça São Pedro. Mas para aqueles que ocupam as instalações de quatro andares e 16 dormitórios (há espaço para 50 pessoas, com possibilidades de expansão durante os meses frios do inverno), o local elegante que os turistas sonhariam em se hospedar não é o mais importante.

Um morador, Mario Brezzam, disse à NBC News que o local “parece mais um lar”. “Eu tenho minha própria cama, quarto e banheiro”, disse ele.

O Palácio dos Pobres foi confiado à comunidade católica leiga de Santo Egídio. Para Andrea Riccardi, fundador da comunidade, a localização é significativa – mas por razões espirituais: “O importante é que aqui estamos em frente ao Vaticano, no coração do papa, os pobres têm um lar na frente do papa”, disse ele.

Os voluntários estão utilizando a cozinha para preparar refeições quentes, que são distribuídas à noite para os sem-teto em uma das estações de trem de Roma.

Durante o dia, os dois andares inferiores oferecem espaço para os voluntários ministrarem aulas de informática. Também há espaço para leitura, recreação e aconselhamento psicológico.

O prédio ainda mantém a atmosfera de um palácio, com seus tetos altos de madeira e obras de arte nas paredes. Na capela, há uma medalha de Nossa Senhora da Confiança, que foi um presente dos funcionários do Vaticano.

O cardeal Krajewski relatou que a reforma foi milagrosa, mas que as doações foram generosas – incluindo, por exemplo, alguém que simplesmente lhes doou um elevador.

O aluguel do terraço, com sua magnífica vista para a Praça São Pedro (um cenário perfeito para as filmagens), ajudará parcialmente a manter financeiramente o edifício, embora, na maioria das vezes, o ar fresco e a bela paisagem do telhado sejam apenas para os moradores do palácio.

Boletim
Receba Aleteia todo dia