Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 14 Abril |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Lançada plataforma para denúncias anônimas de corrupção na América Latina

POVERTY

Francisco Varela-(CC BY-NC-SA 2.0)

Agências de Notícias - publicado em 21/02/20

A América Latina perde mais de 220 bilhões de dólares por ano com corrupção

Uma plataforma chamada LatamLeaks.lat, para facilitar as denúncias anônimas na internet de casos de corrupção ou danos ao meio ambiente na América Latina, garantindo o anonimato dos denunciantes, foi lançada nesta quarta-feira, anunciaram as organizações responsáveis.

A iniciativa busca “estimular a denúncia como ferramenta crucial para sociedades mais justas”, garantindo “a proteção das pessoas que alertam, em toda a América Latina, cujos direitos e vidas hoje estão em risco”, afirmou em nota à imprensa.

Importantes casos que abalaram a região, “como Odebrecht, Lava Jato, Panamá Papers, entre outros, vieram à tona graças a pessoas que alertaram para esses delitos e fraudes”, destacou a nota das organizações Fundación Internacional Baltasar Garzón (Espanha), Ciudadanía Inteligente (Chile) e Proyecto PODER (EEUU).

“A América Latina perde mais de 220 bilhões de dólares por ano com corrupção e ineficiência na gestão de fundos públicos”, continuou o texto, citando dados de um relatório do Banco Interamericano de Crédito publicado em 2018.

A plataforma vai reunir em um só lugar os endereços digitais que já existem para fazer denúncias “de forma anônima e segura” na região: Chileleaks, Peruleaks, Mexicoleaks, Guatemalaleaks e Subterráneo da Nicarágua.

O objetivo é ajudar aqueles países “que não têm uma caixa de entrada assim ou iniciativa similar a fazer isso”, explicou à AFP Bruno Galizzi, da Fundação Internacional Baltasar Garzón.

A plataforma servirá para pactuar “boas práticas comuns” e “avançar na formação de ‘alertadores'”, disse Galizzi.

(AFP)

Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia