Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 24 Julho |
home iconReligião
line break icon

“Lectio divina ontem e hoje”

CZYTANIE BIBLII

Shutterstock

Vanderlei de Lima - publicado em 08/03/20

É uma leitura da Sagrada Escritura à luz de Deus

Eis o título de um importante livro publicado pelas Edições Subiaco, de Juiz de Fora, MG (4ª edição ampliada, 2017, 216 págs.), e que será apresentado neste artigo.

Reúne as maiores autoridades no assunto: Guigo II, o cartuxo, Enzo Bianchi, Giorgio Giurissato, Albert Vinnel e Irineu Resende Guimarães. Embora cada autor tenha o seu modo próprio de expor a Lectio, é Guigo II, o nono prior da Grande Cartuxa, do século XII, quem dá o tom ao livro. Afinal, sua Carta sobre a vida contemplativa ou Escada dos monges “é um clássico da espiritualidade monástica, enquanto retoma e sistematiza os ensinamentos da tradição monástica anterior sobre a lectio divina, e enquanto guiou gerações de monges nos caminhos da oração interior, como o testemunha o grande número de manuscritos que chegaram até nós” (p. 9).

Daí a importante questão: que é lectio divina e como se faz? – Respondemos que é a leitura orante da Palavra de Deus. Isso devido ao valor da Sagrada Escritura em si (cf. Dei Verbum, 21, p. 138-139). É uma leitura da Sagrada Escritura à luz de Deus (cf. p. 119, 191, 201 e 206). Faz-se por meio de quatro passos que, de acordo com Guigo II, formam “a escada dos monges, que os eleva da terra ao céu” (p. 16). 

Vejamos cada degrau, segundo a exposição do cartuxo: “a leitura é o estudo assíduo da Escritura, feito com aplicação do espírito. A meditação é uma ação deliberada da mente, a investigar com a ajuda da própria razão o conhecimento de uma verdade oculta. A oração é uma religiosa aplicação do coração a Deus, para afastar os males ou obter o bem. A contemplação é uma certa elevação da alma em Deus, suspensa acima dela mesma, e degustando as alegrias da eterna doçura” (p. 16-17). E completa: “a leitura é feita segundo um exercício mais exterior; a meditação, segundo uma inteligência mais interior; a oração, segundo o desejo; a contemplação passa por cima de todo sentido. O primeiro degrau é dos principiantes; o segundo, dos que progridem; o terceiro, dos fervorosos; o quarto, dos bem-aventurados” (p. 28).

As bases bíblicas para a prática da leitura orante da Escritura estão, segundo Enzo Bianchi, no capítulo 8 do livro de Neemias e em 2 Timóteo 3,14-16 (cf. p. 116). Note-se ainda que a Lectio se faz útil para posteriores preparações de homilias, à luz da chamada exegese canônica, ou seja, a da interpretação da Escritura pela própria Escritura, sem interpolações ideológicas estranhas (cf. p. 38, 40). É Bianchi mesmo quem afirma: “que a passagem [bíblica] se auto interpreta. A Escritura é a intérprete da Escritura. Este é o grande critério rabínico e patrístico para a lectio divina” (p. 123). Ainda: se os clérigos não praticam a Lectio divina, “serão na sua pregação, em seu magistério e em sua pastoral, homens superficiais, inseguros, às voltas com problemas, incapazes de dizer uma palavra que tenha ‘autoridade’, porém semelhante aos escribas (cf. Mt 7,28), enrubescendo muitas vezes com o Evangelho que eles anunciam (cf. 2Cor 3,12; 4,2; Rm 1,16)” (p. 45).

Certo é que para se fazer uma Lectio proveitosa deve-se ter: 1) as luzes do Espírito Santo. Sem Ele, assevera Irineu Resende Guimarães, “será apenas uma leitura de um texto qualquer. Só com a ajuda e a presença do Espírito Santo é que a nossa leitura será propriamente ‘divina’” (p. 209) e 2) o estudo capaz de levar o fiel a penetrar o sentido profundo do texto bíblico que é, sem dúvida, espiritual, mas foi escrito na linguagem humana de um contexto histórico determinado. Faz-se, pois, oportuno – de acordo com Albert Vinnel – entender, ainda que sucintamente, de História, Filologia, Patrologia etc. (cf. p. 181), sem, contudo, cair no intelectualismo (cf. p. 43). Prefira-se sempre a Bíblia de Jerusalém, por seus textos paralelos e notas explicativas (cf. p. 123).

Finalizando, importa dizer que, às vezes, Deus parece mostrar-Se ausente na meditação. Deve-se perseverar firme, pois tudo isso é para o bem espiritual do fiel (cf. Rm 8,28). Ele consola, mas também “afasta-se por cautela, a fim de que a grandeza da consolação não te ensoberbeça, evitando que a presença contínua do Esposo, te leve a desprezar as companheiras e atribuas a consolação não à graça, mas à natureza” (p. 25).

Bebamos dessa rica fonte lançada pelas Edições Subiaco!

***

Encomendas: publicacoesmonasticas@yahoo.com.br / (32) 32162814

Tags:
BíbliaOração
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
1
Reportagem local
A arrepiante oração de uma mulher no corredor da morte por ser ca...
2
CROSS;
Reportagem local
O que significa o sinal da cruz feito sobre a testa, os lábios e ...
3
Aleteia Brasil
Sorrisão e joelhos: 2 pais brasileiros e seus bebês que emocionar...
4
Papa Francisco
Reportagem local
Papa: como não culpar Deus diante da morte de um ente querido
5
Atriz Claudia Rodrigues
Reportagem local
Assessora pede orações por atriz Claudia Rodrigues: “está m...
6
PADRE PIO
Philip Kosloski
A oração que Padre Pio fazia todos os dias ao Anjo da Guarda
7
Orfa Astorga
Até que idade é saudável morar na casa dos pais?
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia