Aleteia
Sexta-feira 23 Outubro |
São Paulo Tong Viet Buong
Espiritualidade

A liberdade é fruto das escolhas boas

FREEDOM

BABAROGA|Shutterstock

Padre Reginaldo Manzotti - publicado em 12/03/20

Se somos infelizes a culpa não é de Deus, e sim de nossas decisões mal tomadas

Nós passamos pelo deserto da Quaresma com jejum, oração e caridade, na certeza da Ressurreição, mirando a vitória com Cristo. Parte desse processo é a busca pela libertação e eu gostaria muito de destacar que nós devemos ser livres para viver plenamente o que Deus sonhou para nós. Somos livres na prática do bem. É para a liberdade que Cristo nos libertou, ou seja, uma libertação em Jesus, uma liberdade que deve nos levar a uma boa consciência.

Deus nos deu o chamado “livre arbítrio”, que é a liberdade de fazermos escolhas, de agir ou não agir, de fazer ou não fazer as coisas e essa liberdade alcança a sua perfeição quando está em profunda sintonia com Deus.

Deus criou o homem de tal forma que deixou a decisão sobre a vida de cada um entregue em nossas mãos, como diz no Livro do Eclesiástico: “Deus criou o homem e entregou às suas próprias decisões” (Eclo,15,14). Então, o que fazemos tem consequências para nós, para os outros e para nossa salvação.

O ser humano, pode ou não seguir a Deus; é nossa decisão. Enquanto não estivermos em plena sintonia com Deus, enquanto não estivermos absorvidos em Deus podemos escolher o bem e o mal. Crescer na perfeição para Deus ou definhar no pecado, é decisão nossa. Não é por acaso que o primeiro Salmo fala dos dois caminhos: o da perfeição ascendente a Deus, ou o do ímpio que definha no pecado e na mentira.

Quanto mais praticamos o bem, quanto mais nossas opções forem para o bem, mais nos tornamos livres. A liberdade é fruto das escolhas boas. As escolhas para o mal nos tornam escravos. Livres para servir, é a nossa opção concreta para o bem.

Na vida não conseguimos ficar sem pender para um lado. É visível, se uma pessoa toma o caminho do mal. Vai piorando em todos os aspectos. Se opta pela mentira, outros pecados se agregam e a pessoa se torna mais má, mais maquiavélica e mais demoníaca. Não porque Deus quis, Deus não predestinou nada. A escolha da pessoa em suas sucessivas opções para a mentira, ao adultério, à fornicação, ao perjúrio e à injustiça levaram-na a agregar sobre si uma energia do mal que a fez escrava do demônio e,perdeu a luz, perdeu a graça, perdeu o brilho de Deus e ficou aprisionada no mal.

A liberdade que Jesus conquistou na cruz quebrou o pecado de Adão, e nos deu a chance de escolher o bem. E mesmo Cristo tendo vencido a morte e derrubado o diabo, Ele não pode interferir no que o Pai criou: o homem e a mulher livres para tomar suas próprias decisões.

A vitória está ganha em Cristo, a liberdade foi conquistada, mas sair do cativeiro depende de nós. O livre arbítrio, a liberdade que foi um presente de Deus tem graves implicações, pois nos torna responsáveis pelos nossos atos.

Qualquer ato tem suas consequências, e implicam numa responsabilidade de alegria ou de dor. Se somos infelizes a culpa não é de Deus, e sim de nossas decisões mal tomadas. Podemos passar por fortes provações e sermos felizes. Podemos sofrer graves enfermidades e sermos serenos, mas podemos ter tudo e sermos infelizes.

A liberdade que nós cristãos temos, nem Deus na sua onipotência nos tirará, nem Jesus no seu ato redentor nos tirou. Ele nos abriu a porta, e quebrou os grilhões, mas sair depende de nós.


FRANCISCAN FRIARS OF THE RENEWAL,CATHOLIC

Leia também:
O que nos detém? Jesus mostra como é a liberdade

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
liberdade
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
nuvens sinais
Reportagem local
Estão sendo fotografados "sinais do céu"?
Extremistas queimam igrejas no Chile
Francisco Vêneto
Por que queimam igrejas: Dom Henrique e Pe. J...
Rosário
Philip Kosloski
Benefícios do Rosário: 3 virtudes que aprende...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia