Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Receba diretamente no seu email os artigos da Aleteia.
Cadastrar-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Como as famílias podem encontrar paz na “escola” de Nazaré

HOLY FAMILY
Thomas Hawk-(CC BY-NC 2.0)
Compartilhar

Bento XVI exortou as famílias de todos os lugares a “se matricular” na escola de Nazaré para encontrar a paz duradoura

Ser pai e ser mãe no mundo de hoje não são tarefas fáceis… Às vezes, pode ser a atividade mais estressante do planeta!

A boa notícia é que Deus quer a paz em sua casa e isso é possível se você imitar, tanto quanto possível, a casa de Nazaré.

O Papa Bento XVI escreveu um apelo às famílias em uma audiência geral que ele deu em 2011, exortando-as a buscar inspiração na Sagrada Família:

“Por isso, gostaria de convidá-lo a refletir hoje sobre o modo como a oração fazia parte da vida da Sagrada Família de Nazaré. Na verdade, a casa de Nazaré é uma escola de oração onde se aprende a ouvir, a meditar e a penetrar no profundo significado da manifestação do Filho de Deus, seguindo o exemplo de Maria, José e Jesus.”

Bento XVI citou um discurso proferido por São Paulo VI quando ele visitou Nazaré:

Em primeiro lugar, ele nos ensina o silêncio. Oh! Se apenas a estima pelo silêncio, uma atmosfera espiritual maravilhosa e indispensável, pudesse renascer dentro de nós! Enquanto somos ensurdecidos pelo barulho, pelo ruído e pelas vozes discordantes na vida frenética e turbulenta de nosso tempo. Ó silêncio de Nazaré! Ensine-nos a ser firmes em bons pensamentos, atentos à nossa vida interior, prontos para ouvir claramente a inspiração oculta de Deus e as exortações dos verdadeiros professores. ”

Além do silêncio, a escola de Nazaré destaca o papel fundamental do casamento e como a fé dos pais é transmitida uns aos outros e aos filhos:

“A capacidade de Maria de viver pelo olhar de Deus é, por assim dizer, contagiosa. O primeiro a experimentar isso foi São José. Seu amor humilde e sincero por sua esposa e sua decisão de unir sua vida a Maria o atraíram e o apresentaram, “um homem justo” (Mt 1:19), a uma intimidade especial com Deus.

José cumpriu todos os aspectos de seu papel paterno. Ele certamente deve ter ensinado Jesus a orar, juntamente com Maria. Em particular, o próprio José deve ter levado Jesus à sinagoga (…), bem como a Jerusalém para as grandes festas do povo de Israel.”

Vale ressaltar que, acima de tudo, pode-se estabelecer a paz no lar através da oração em família.

“A família é a Igreja doméstica e deve ser a primeira escola de oração. É na família que as crianças, desde a mais tenra idade, podem aprender a perceber o significado de Deus, além de, graças ao ensino e exemplo de seus pais, viver em uma atmosfera marcada pela presença de Deus. Uma educação autenticamente cristã não pode prescindir da experiência da oração. Se alguém não aprender a orar na família, mais tarde será difícil preencher essa lacuna. Por isso, gostaria de dirigir a vocês o convite para orarem juntos como uma família na escola da Sagrada Família de Nazaré e, assim, realmente tornarem-se um único coração e uma única alma, uma família verdadeira.”

Portanto, não nos esqueçamos de inscrever nossas famílias nesta “escola” e de manter nossa família unida através da oração.

Boletim
Receba Aleteia todo dia