Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 04 Agosto |
São João Maria Vianney
home iconAtualidade
line break icon

Como evitar uma crise?

TRAMONTO, ACROBATA, EQUILIBRIO

Shutterstock

Alexandre Ribeiro - publicado em 20/03/20

Uma crise nunca é totalmente previsível. Mas, por outro, também nunca é totalmente imprevisível

Uma crise é uma instabilidade de grandes proporções que atinge um sistema. Por exemplo: uma pessoa que sofre uma crise nervosa, uma família que sofre uma crise financeira, um país que sofre uma crise política, uma região que sofre uma crise alimentar, uma sociedade que depara com um novo vírus.

Uma crise tem sempre elementos imprevisíveis – um problema de saúde que nos pega desavisados, a perda do trabalho… Mas também tem sempre elementos que poderiam ter sido identificados e tratados com antencedência – melhores cuidados com a saúde, manter-se atualizado e formado para novas possibilidades de trabalho…

Nesse sentido, por um lado, uma crise nunca é totalmente previsível e, por outro, nunca é totalmente imprevisível. É sempre uma probabilidade derivada da dinâmica de flutuações do ambiente em que vivemos.

Se um sistema – uma pessoa, uma empresa, uma população de animais… – tivesse conhecimento completo do mundo que o circunda e das crises que adviriam, ele poderia minimizar o impacto das crises. Ele teria grande estabilidade e dificilmente seria abalado pelas flutuações do ambiente que o cerca.

Por outro lado, se um sistema tivesse um conhecimento absolutamente precário do mundo, ele estaria em constante fase de testes. Para “sobreviver”, teria de mimetizar constantemente cenários de falha, para escapar dessas falhas o mais rápido possível.

Mas, como já foi dito, os sistemas nunca lidam com um mundo totalmente conhecido ou totalmente desconhecido.

O que de fato acontece é que sempre há um certo grau de conhecimento daquilo que nos cerca, mas também um certo grau de limitação.

Assim, é preciso buscar um estado de estabilidade dinâmica. Ou seja, é preciso buscar a estabilidade e, ao mesmo tempo, não confiar que esta estabilidade seja absoluta.

De forma concreta, para superar uma crise, é preciso identificar quais atitudes podem ser mudadas diante do objetivo de se alcançar a estabilidade.

As atitudes aqui, em primeiro lugar, são as minhas atitudes pessoais. Ou seja: o que eu devo mudar em mim que pode contribuir para a superação desta crise? Que nova atitude minha ajudaria a superar este momento de dificuldade?

Por outro lado, para diminuir as chances de ser totalmente surpreendido por uma nova crise, o primeiro exercício é o da humildade: reconhecer que todos estamos suscetíveis a passar por crises, dificuldades e sofrimentos.

Na vida, não existe estabilidade absoluta.

Mas também é preciso reconhecer que temos a aptidão de fazer treinamentos anticrise. Você não vai ao cinema para ficar preocupado se a sala vai ou não vai pegar fogo. Mas, se pegar fogo, será bom saber minimamente como agir.

A crise, no campo pessoal, exige mudanças – para melhor, obviamente – nas minhas atitudes.  E evitar novas crises implica fortalecer aquilo que me traz estabilidade, mas sempre reconhecendo a minha inevitável vulnerabilidade.




Leia também:
O que é um sistema e como este conceito pode ajudá-lo a melhorar de vida

Tags:
Coronavíruscrise
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Reportagem local
Gritos levam polícia à casa de dois idosos, que choravam copiosam...
2
Sintomas da depressão
Reportagem local
8 sintomas físicos da depressão: fique atento a si mesmo e ao seu...
3
Philip Kosloski
Mesmo com ouro e glória, Michael Phelps foi ao fundo do poço – ma...
4
MAN
Reportagem local
Oração da noite para serenar o espírito e pacificar a ansiedade
5
Pe. Edward Looney
Padre revela: por que sempre levo água benta comigo ao viajar
6
sacerdotes
Reportagem local
Suicídio de sacerdotes: desabafo de padre brasileiro comove as re...
7
Princesa Diana no Accord Hospice
Reportagem local
Um padre católico acompanhou a princesa Diana na madrugada de sua...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia