Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Alimente o seu espírito. Receba grátis os artigos da Aleteia toda manhã.
Inscreva-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Conventos isolados em Roma: duas congregações somam 59 freiras com coronavírus

Compartilhar

A hipótese mais provável é que elas pegaram o vírus enquanto ajudavam os enfermos, pois a pastoral nos hospitais faz parte da sua missão

Autoridades da Itália isolaram dois conventos femininos do país depois que, só neles, um total de 59 freiras foram diagnosticadas com o coronavírus.

Elas pertencem às congregações das Filhas de São Camilo (40 casos) e das Irmãs Angélicas de São Paulo (19 casos num total de 21 freiras).

Ambos os institutos se localizam em Roma.

Figlie di San Camillo / Youtube

Os dois conventos entraram em completo isolamento desde esta quinta-feira.

A quarentena é particularmente dolorosa para as freiras camilianas, que, por carisma e missão, estiveram sempre na linha de frente da assistência aos doentes nos hospitais. A hipótese mais provável é que elas tenham pegado o vírus em decorrência do contato com os enfermos a quem prestavam ajuda.

São Camilo, o fundador da família camiliana, tem uma história extraordinária de vício e superação:

 

Boletim
Receba Aleteia todo dia