Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Newsletter Aleteia: uma seleção de conteúdos para uma vida plena e com valor. Cadastre-se e receba nosso boletim direto em seu email.
Registrar

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Medjugorje: não haverá mais aparições no dia 2 de cada mês. O que isso significa?

La veggente Mirjana il 2 gennaio 2020.
Compartilhar

As mensagens tradicionais da Virgem (cuja sobrenaturalidade nunca foi negada explicitamente pela Igreja) à vidente Mirjana chegaram ao fim

A vidente de Medjugorje, Mirjana Dragicevic, anunciou no último dia 18 de março, durante a aparição anual da Virgem, que não haverá mais aparições em cada início de mês, como aconteceu até 2 de março de 2020.

Foi um anúncio que causou espanto entre os muitos peregrinos de Medjugorje. O Vaticano ainda não se pronunciou oficialmente sobre as supostas aparições mensais da Virgem Maria em Medjugorje.

No entanto, o dia 2 de cada mês já era considerado por milhares de fiéis em todo o mundo como um ponto de referência espiritual. Centenas de pessoas costumavam acompanhar Mirjana até o local das aparições.

Todo mês, Mirjana entrava em êxtase e escrevia a mensagem que a Virgem lhe dirigia. Eram mensagens destinadas à conversão de não-crentes.

Não é possível saber exatamente por que a Virgem teria parado de enviar essas mensagens.

Mas o jornalista e escritor Saverio Gaeta, especialista nos fenômenos marianos de Medjugorje e autor do livro “Dossier Medjugorje”, arrisca uma explicação.

“Deve-se dizer – afirma Gaeta – que em 18 de março de 2020 Mirjana recebeu pela 36ª vez a aparição anual que a Virgem prometeu a ela desde a última aparição diária, em 25 de dezembro de 1982.”

Nesta ocasião, “a Virgem deu o ‘décimo segredo’ a Mirjana. O mesmo deve acontecer com os outros dois videntes, Ivanka, quando chegar a data relacionada a 6 de maio de 1985, e Jakov, na data relacionada a 12 de setembro de 1998.

Quando os videntes recebem o décimo segredo, eles param de receber o sinal da aparição da Virgem.

As aparições do segundo dia do mês para Mirjana começaram em 2 de agosto de 1987 e desde então se repetem, quase constantemente, todo dia 2 de cada mês.

Segundo o jornalista, no começo era uma voz interior: a Virgem falava com Mirjana. Então também começou a aparecer para ela. Desde 2005, Ela deixa uma mensagem.

Nas aparições do dia 2, “a Rainha da Paz rezava junto com Mirjana por aqueles que não conheceram o amor de Deus, aqueles que chamamos de ‘não-crentes’, que para a Virgem são filhos que devem ser ajudados a descobrir a beleza e a alegria da fé em Deus”.

Até 2 de março de 2020, diz Gaeta, “Mirjana recebeu um total de 169 mensagens da Virgem, todas muito significativas, com um apelo constante para descobrir os sinais dos tempos e compreendê-los na perspectiva da vida eterna”.

As aparições extraordinárias do dia 2 estão relacionadas a outros eventos: a 2 de maio de 1982, a Virgem anunciara a Mirjana: “venho chamar o mundo à conversão pela última vez”.

Medjugorje tornou-se assim o centro de um caminho que começou com as aparições de Fátima, para alcançar o triunfo do Imaculado Coração de Maria.

Portanto, conclui Gaeta, “era sabido desde o início que as aparições no dia 2 não durariam para sempre, então não há necessidade de se assustar ou esperar qualquer presságio”.

“Nossa Senhora não nos abandona em tempos difíceis, mas, ao contrário, nos acompanhou durante esses 33 anos, de 1987 até hoje: nos concedeu uma graça a mais em relação às aparições conhecidas aos videntes de Medjugorje”.

Boletim
Receba Aleteia todo dia