Aleteia
Segunda-feira 26 Outubro |
São Fulco
Estilo de vida

10 dicas para viver melhor o isolamento social

Woman, Home, Window, Butterfly, Resurrection

© Mila Supinskaya Glashchenko

Gelsomino Del Guercio - publicado em 06/04/20

Essas dicas ajudam a derrotar a tristeza e nos tornam mais sóbrios e serenos, apesar da pandemia nos forçar a ficar em casa

Este é um decálogo para superar as dificuldades do isolamento social, que Adriano Sella, especialista em novos estilos de vida e experiências missionárias, divulgou na mais recente edição de Família Cristã na Itália.

1. Resiliência

Apostemos na resiliência para superar o evento traumático. Somos obrigados a não sair de casa como forma de lutar contra o coronavírus. Vamos tornar o #fiqueemcasa uma oportunidade que nos ajude a conhecer melhor nosso lar. Vamos torná-lo um lugar saudável, bonito e acolhedor para nós e nossos familiares. Reorganizemos nossa vida em casa diante das dificuldades.

2. Riqueza

Vamos redescobrir a riqueza das relações humanas. Estamos forçados a abrir mão das relações sociais para nos proteger do perigo de infecção. Aproveitemos esta oportunidade para perceber o quanto as relações humanas são essenciais para a vida.

3. Renascimento

Vamos parar um pouco para em seguida renascer. Neste momento, algo nos impede de mergulhar no ritmo frenético da vida. Recuperemos então o silêncio perdido como uma dimensão terapêutica para o bem-estar psicofísico e espiritual. Vivamos o descanso como um momento de contemplação, para redescobrir as prioridades do viver bem e a pirâmide de valores.

4. Felicidade

Vamos viver uma sobriedade feliz para entender as prioridades da vida. Este período de Covid19 nos obriga a abrir mão de muitas coisas que não são necessidades primárias. Separamos o que é realmente importante do que não é. Vamos olhar para as coisas essenciais, usar as coisas úteis quando necessário e nos livrar das coisas desnecessárias e injustas.

5. Criatividade

Vamos colocar a criatividade em movimento para marcar bem o tempo diário. De repente, nos encontramos com um pouco mais de tempo disponível. Tentemos aprimorá-lo, tornando-nos criativos através da culinária, do artesanato, da arte, da música e da literatura. Libertemos nossa criatividade e compartilhemos nossas criações.

6. Viver o momento

Não desperdicemos esta crise, mas vamos valorizar o carpe diem. Qualquer crise, mesmo a mais difícil, pode trazer algo de bom e revolucionário. Vivamos o momento presente como uma grande oportunidade de mudança, reunindo os ensinamentos que podem gerar uma nova humanidade e um novo mundo. Lembremos que a semente deve morrer para dar frutos.

7. Tecnologia

Mesmo se estamos em casa sozinhos, não nos sintamos abandonados. Vamos olhar para a rua para trocar uma saudação à distância com os vizinhos. Usemos as tecnologias de comunicação para “estar” com um membro da família ou um amigo ou para nos encontrar virtualmente. Demonstremos nossa solidariedade à distância.

8. Lentidão

Vamos redescobrir a lentidão como forma de crescimento humano. A Covid19 nos obriga a desacelerar e nos faz viver uma vida mais lenta. Vivamos devagar e paremos de correr, recuperando-nos do estresse. Redescubramos a lentidão como um modo de vida feliz, porque isso nos ajuda a aproveitar cada momento, a apreciar até o menor evento. Lembre-se! A Mãe Terra nos ensina que entre semear e colher também leva muito tempo.

9. Informação

Informe-se com critério para não ser vítima de notícias falsas. O coronavírus fornece um tempo valioso para ler e estudar. Vamos nos envolver na leitura e procurar informações verdadeiras e bem fundamentadas. Vamos compartilhar via redes sociais pensamentos, leituras e pesquisas que nos ajudem a superar a tempestade e entrar em uma nova realidade como pessoas maduras.

10. Mão invisível

Vamos confiar em uma mão invisível que não nos deixa sentir sozinhos. Essa situação dramática nos fragiliza, chega a causar desespero. Compartilhemos cartas, mensagens e vídeos que mostrem a solidariedade de muitas pessoas e também de muitos povos. Acreditemos que fazemos parte de uma só humanidade, onde tudo está conectado. Vamos confiar em Deus. Confiemo-nos a Jesus Cristo nos momentos mais difíceis, Ele até nos carrega nos braços. Vamos redescobrir esse grande relacionamento cósmico que tira todo o medo e nos enche de energia para um novo começo.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
CoronavírusDepressãoDescanso
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa Francisco e casais homossexuais: o que e...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
SAINT MICHAEL
Philip Kosloski
Oração a São Miguel por proteção contra inimi...
Rosário
Philip Kosloski
Benefícios do Rosário: 3 virtudes que aprende...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia